Coluna de Eduardo Loureiro

Velci Machado
01 de Fevereiro de 2014 às 08:00

Santo Ângelo perdeu uma grande guerreira. Acompanhei boa parte da trajetória da professora Velci Machado. Eu era estudante da URI quando ela assumiu a direção da universidade num momento em que o campus de Santo Ângelo enfrentava uma série de problemas financeiros. Com muita competência, seriedade e determinação, tirou a instituição daquela situação delicada. Sempre formou, aliás, uma boa dupla com o professor Gilberto Pacheco, que esteve ao seu lado nesta e em outras missões. No Hospital Santo Ângelo não foi diferente. A maior casa de saúde da região enfrentava a pior crise da sua história e estava ameaçada de fechar as suas portas. No final de 2004, iniciamos o trabalho de recuperação. A primeira preocupação era encontrar uma pessoa com o perfil adequado para assumir a provedoria do hospital. Imediatamente pensamos no nome da professora Velci. Estive na sua casa, juntamente com o Dr. Luis Carlos Cavalheiro, que assumiria a Secretaria Municipal de Saúde, o professor Gilberto Pacheco, o então deputado Adroaldo Loureiro e os médicos Edison Vargas e Edilson Burmann, para fazer o convite. Mesmo sabendo que a tarefa seria hercúlea, ela não fugiu da raia. Assumiu com coragem e muita garra aquela missão. Outros provedores vieram e deram continuidade ao trabalho iniciado pela Velci, e o Hospital Santo Ângelo se transformou num modelo de gestão e numa referência para todo o Rio Grande do Sul. Coragem, determinação, competência e seriedade foram marcas deixadas por ela. Quero externar os meus sentimentos de pesar a todos os familiares e amigos.

 

Homenagem a Brizola

Na semana passada participei, em Porto Alegre, da inauguração da estátua em homenagem a Leonel Brizola. Muitas autoridades se fizeram presentes e relembraram passagens da vida deste líder, que entrou para a história pela sua coragem, ética e atuação determinada na defesa dos interesses do povo brasileiro. Foi um grande patriota. Abaixo, algumas frases ditas por Brizola que revelam um pouco da sua história e personalidade:
“A educação é o único caminho para emancipar o homem. Desenvolvimento sem educação é criação de riquezas apenas para alguns privilegiados.”
•••
“Todas as crianças deveriam ter direiro à escola, mas para aprender deveriam estar bem nutridas. Sem a preparação do ser humano, não há desenvolvimento. A violência é fruto da falta de educação.”
•••
“Estou pensando em criar um vergonhódromo para políticos sem-vergonha, que ao verem a chance de chegar ao poder esquecem o compromisso com o povo.”
•••
“Que nos esmaguem! Que nos destruam! Que nos chacinem neste Palácio! Chacinado estará o Brasil com a imposição de uma ditadura contra a vontade de seu povo!”

 

Borghetti e Chico Saratt

No ato de inauguração da estátua em homenagem a Leonel Brizola, Renato Borghetti e Chico Saratt entoaram o Hino Riograndense e cantaram Querência Amada, uma das canções preferidas de Brizola, emocionando a todos os presentes.

 

Novos administradores

Parabéns aos novos colegas administradores que no último sábado receberam os seus diplomas numa belíssima cerimônia realizada no Teatro Antônio Sepp. Agradeço, sensibilizado, pela homenagem recebida, na condição de Professor Homenageado. Esta turma da URI é especial para mim, pois foi com eles que iniciei a minha caminhada de professor universitário. Desejo muito sucesso a todos nessa nova etapa das suas vidas. Para recordar, publico fotos da formatura, das primeiras aulas e do dia em que os recebi na minha casa, numa visita surpresa e muito agradável.

 

Christopher Goulart

Em Porto Alegre, na semana passada, encontrei o neto do ex-presidente missioneiro Jango, Christopher Goulart, que deverá concorrer a deputado federal nas eleições deste ano. Advogado, atualmente ele integra a equipe do prefeito Fortunatti, onde atua como presidente-adjunto da FASC (Fundação de Assistência Social e Cidadania).

 

Giruá renova com a Corsan

O município de Giruá comemorou 59 anos de emancipação político-administrativa no último dia 29 de janeiro. Várias atividades foram realizadas para comemorar a data. Neste dia, o município ganhou um grande presente. Depois de 4 anos de intensas negociações, foi assinada a renovação do contrato de concessão dos serviços de água e esgoto com a Corsan. Com isso, o prefeito Fabiam Thomas garantiu em torno de 40 milhões de reais em investimentos na área do saneamento. A exemplo do que fez Santo Ângelo há quase três anos, o novo contrato estabelece metas e prazos para que a companhia realize os investimentos.

Fonte: Jornal das Missões

Ex-prefeito de Santo Ângelo, graduado em Administração de Empresas pela URI, pós-graduado em Gestão Estratégica de Organizações também pela URI e mestre em Administração de Empresas pela UFRGS. É diretor da Rádio Santo Ângelo e da Gráfica Jornal das Missões e professor de Gestão Pública da URI e do IESA.

Email: loureiro@san.psi.br

Mais artigos de Eduardo Loureiro