Notícias: Esportes

Dia Mundial do Skate: pista da Praça Leônidas Ribas recebe ação de adeptos do esporte

Iniciativa dá nova cara e deixa legado às futuras gerações de atletas de Santo Ângelo

21 de Junho de 2018 às 14:03
Dia Mundial do Skate: pista da Praça Leônidas Ribas recebe ação de adeptos do esporte
Para marcar a data, um grupo de skatistas, liderado pelo empresário Robson Reis (foto), resolveu “botar a mão na massa” e construir um novo obstáculo na pista localizada na Praça do Brique (Foto: Luan Rogério Medeiros)

Hoje, 21 de junho é comemorado o Dia Mundial do Skate. Pensando nisso, em Santo Ângelo, um grupo de adeptos do esporte decidiu, mais do que fazer um grande evento, deixar um legado para os praticantes. Em homenagem a data, a pista da Praça Leonidas Ribas recebeu uma nova rampa. “Decidimos, ao invés de fazer um evento, nos unirmos e fazer um obstáculo para deixar para os skatistas”, conta Robson Reis, idealizador da iniciativa, skatista e empresário.

Segundo ele, a ideia surgiu há cerca de uma mês, quando o grupo iniciou a pesquisa por materiais e as medidas ideais para construir a rampa. “Como só conseguíamos fazer depois das 18h e nos finais de semana, levamos mais de três semanas para concluir”, relembra.

Além de Robson, participaram da obra os skatistas Paulo Kinas, André Almeida, Lucas Prestes, Jonatan Nascimento, que contrubuiu com a técnica e a mão de obra, e Douglas Veiga, todos de forma voluntária. O investimento financeiro veio da loja Board Spoths, especializada em material esportivo do Skate e Surf nas Missões.

“Vejo que neste dia estão acontecendo várias iniciativas bacanas. Mas como nesse ano caiu em um dia de semana, pensamos em fazer algo que pudesse ficar para a sociedade, para gerações futuras. Feito com a nossa boa vontade”, completa.

CONCEITO “DIY”
A inicitaiva foi inspirada na sigla “DIY”, que é a abreviação da expressão em inglês “Do It Yourself”, que significa “Faça Você Mesmo”, na tradução para a língua portuguesa. O “DIY” pode ser considerado uma filosofia de vida, onde os seus participantes optam por “botar a mão na massa”.

COMO SURGIU O ESPORTE
Começou como brincadeira de um grupo de surfistas da Califórnia e tornou-se popular no mundo inteiro. Uma prancha de madeira (shape) equipada com dois eixos (trucks) de metal e quatro rodas de poliuretano foi o suficiente para que surgisse uma modalidade radical que envolve manobras difíceis e arriscadas nas mais diferentes superfícies, mas que ao mesmo tempo pode ser praticada até por crianças, em qualquer parque da cidade.

Essa versatilidade talvez seja um dos principais motivos da popularização do esporte, a tal ponto que foi criado o Dia Mundial do Skate, comemorado em 21 de junho. A ideia nasceu em 2004, numa iniciativa da International Association of Skateboard Companies, nos Estados Unidos, e se espalhou pelo mundo. Em 2015, a festa sobre rodinhas tomou conta de várias cidades brasileiras

Como nos esportes de alto desempenho, também o skate tem seus “heróis”, entre os quais alguns brasileiros, com destaque para Bob Burnquist, um carioca de 39 anos que continua colecionando proezas. Foi dez vezes campeão mundial, ganhou 30 medalhas nos X-Games, eleito sete vezes o melhor skatista do ano e integrante do Hall da Fama do Skate desde 2010. O último ouro de Bob foi conquistado nos X-Games de Austin, no ano passado.

ESPORTE OLÍMPICO
Teve seus altos e baixos, sendo muito praticado na década de 80, tido como uma verdadeira febre nos anos 90 e se fixando como esporte no início dos anos 2000, quando, enfim, foi plantada a semente para a denominada modalidade olímpica. A partir de 2020, o skate se torna uma das cinco novas modalidades que passam a integrar os Jogos Olímpicos .
 

Fotos vinculadas

Por Daniele Angnes (dani@jornaldasmissoes.com.br)

Fonte: Jornal das Missões

Mais Notícias: Esportes