Notícias: Geral

Plantação de chia ganha espaço e abre negócios na região

Empresa Giroil de Santo Ângelo cultiva as sementes em uma área de 30 hectares no Carajazinho

25 de Abril de 2013 às 09:48
Plantação de chia ganha espaço e abre negócios na região
Vinícius Dalla Vechia ajuda os pais a administrar a plantação de chia em Carajazinho. Fotos: Odair Kotowski/JM

Elas lembram um pouco as sementes de papoula, mas são na realidade sementes de chia. Estas sementes pequenas escuras, brancas ou acinzentadas, já estão sendo consideradas por muitos especialistas em nutrição um superalimento da natureza.

Na região das Missões a plantação de chia vem crescendo e se transformando cada vez mais em um produto que gera bons negócios. Na localidade de Carajazinho, interior de Entre-Ijuís, a família Dalla Vechia cultiva a semente em uma área de 30 hectares.

A produção é coordenada pelo casal Roque e Vera e pelo filho Vinícius. O produto é transformado em farinha e óleo extra virgem, além de ser vendido na forma in natura através da Giroil – Indústria de produtos naturais de Santo Ângelo, pertencente à família.

Segundo Vera Dalla Vechia, a chia era a ração de sobrevivência dos guerreiros astecas. O valor destas sementes era tão grande que os astecas a utilizavam para pagar seus impostos e as tinham como moeda de troca. “Chia é a palavra Maia para designar força. As sementes eram utilizadas por eles como alimento de megaenergia”, conta.

Vera afirma que a semente de chia possui mais cálcio que o leite, mais potássio que a banana, mais ferro que o espinafre, mais ômega 3 que a linhaça e mais antioxidantes que as famosas uvas-do-monte.

As sementes são produzidas e selecionadas com alto padrão e cuidadosamente embaladas. Podem ser consumidas na adição de frutas, sucos, leite, iogurtes, sobremesas, sopas, lentilha, feijão, bolos, biscoitos, pães e pudins.

A chia pode ser adquirida em lojas de produtos naturais e na loja virtual da empresa através do endereço eletrônico www.loja.giroil.com.br. Mais informações nos telefones (55) 3312-5093 e 9937-8901.

Curiosidades sobre a chia

O consumo da chia é popular no México. Lá, a chia é considerada um superalimento. Os mexicanos costumavam dizer que uma colher das sementes é suficiente para sustentar uma pessoa por 24 horas.

As sementes de chia são indicadas para perda de peso e manutenção; problemas da tiróide; hipoglicemia e diabetes; síndrome do cólon irritável; doença celíaca (intolerância permanente ao glúten); refluxo gastro esofágico; hipercolesterolemia (nível alto de colesterol no sangue) e é indispensável para os vegetarianos por conter muita proteína.

Este produto é o sonho de quem faz dieta, pois elimina a fome, evitando assim o desejo de ingerir mais alimentos e, além disso, limpa o corpo das toxinas no intestino.

Equilibra o açúcar no sangue, garantindo energia ao longo do dia e diminuindo o risco de diabetes tipo 2.

Ajuda a regular o trânsito intestinal e previne a inflamação de divertículos (diverticulite), pois a sua fibra solúvel hidrata o cólon e facilita o movimento peristáltico.

Fotos vinculadas

Considerada um superalimento pelos mexicanos, entre os benefícios atribuídos às sementes de chia estão a perda e a manutenção de peso e o equílibrio do açúcar no sangue

Por Odair Kotowski (odair@jornaldasmissoes.com.br)

Fonte: Jornal das Missões

Mais Notícias: Geral