Neste sábado, completo a centésima coluna desde que comecei a escrever regularmente no Jornal das Missões. É um prazer enorme dialogar com o povo missioneiro. Todas as semanas, contemplo atentamente o cotidiano gaúcho, a política nacional, os problemas sociais e o sistema de justiça. Aguardo a inspiração chegar para...
Nos corredores do supermercado, as pessoas usam luvas e máscaras. Os operadores de caixas ostentam capacetes cuja viseira de acrílico serve de proteção. Linhas no solo demarcam a distância entre os consumidores na fila. As pessoas entrecruzam-se nos corredores com olhares de desconfiança. É o coronavírus na capital dos...
Era inverno de 1999. Perambulava pela orla do Guaíba. O palmilhar desinteressado levou o caminhante à exposição fotográfica de Sebastião Salgado. Os gigantes retratos esculpidos pela sensibilidade colocavam o observador dentro das grandes tragédias vivenciadas pela humanidade naquela época. Anos depois, em Da minha terra à Terra, li Salgado descrever...
Na noite da última quinta-feira, o Superior Tribunal de Justiça suspendeu o júri do caso Kiss marcado para o próximo dia 16 de março, em Santa Maria. Numa medida cautelar, o ministro decidiu que o processo ainda permite uma discussão sobre o que chamamos em processo penal de ‘desaforamento’....
Sentia-se distante da alma. A dor singrava os sulcos esculpidos pela miséria. Um mar de solidão no campo gateado; evaporavam-se as lágrimas em silenciosa batalha. O coração gélido e a elevada temperatura formavam um profundo paradoxo. O suor - num gotejo incessante – furtava-lhe as últimas forças. A cada...
O Anastácio andava atormentado desde a partida da morena batizada de Constância. Não disse uma única palavra na despedida. Tentou escrever alguns versos. Consertou apressado o letreiro que havia tombado no derradeiro temporal. Decidiu-se. Encilhou o mouro na ‘Estância dos Desamores’, n’alma inquieta, carregou as desconfianças e os anseios,...
Em Capesius, O Farmacêutico de Auschwitz, Dieter Schlesak obriga o leitor a deixar o livro de lado por alguns instantes para superar a tontura. Num triste capítulo, dedica-se a descrever os chamados muselmänner, seres humanos – mortos-vivos – submetidos a um experimento biopolítico de fome crônica que reduzia as...
O alvoroço das pessoas indicava o caminho para o rio Meirim. Um discreto vozear: – A lua. A lua! Debruçadas no parapeito da modesta ponte sobre o manguezal, dezenas de pessoas apreciavam a formosura da vaidosa lua cheia. Alumiava democraticamente o rio e o mar. Os pescadores do vilarejo...