Advérbios e locuções adverbiais são, em tese, palavras invariáveis na língua portuguesa e servem para modificar nas frases os sentidos de verbos, de adjetivos e deles próprios, bem como, no todo, os do próprio texto. Tanto os advérbios quanto as locuções adverbiais bem colocados nas frases dão...
Aquele que escreve ou que fala deve evitar, em grau máximo, comparações mistas feitas, muitas vezes às pressas e sem revisões próprias e necessárias, no texto que escreve ou no texto que fala. Cabe, antes do depois, a observação de que no século XX, ainda pelo mais do que...
Coração das trevas escrita pelo famoso ficcionista polonês Joseph Conrad, nascido em 1857 em Berditchev, hoje Ucrânia, e falecido em 1924 na Inglaterra, apresenta hoje aqui, mesmo que de forma breve, o assunto do uso ou do não uso de etcétera extenso e abreviado no texto gráfico e fônico....
Pois a humanidade, a parte que é cristã, tem mais uma vez o privilégio de comemorar na Terra o natal de Jesus Cristo que, não tendo um quarto numa casa de Jerusalém para nascer, nasceu no interior, há oito quilômetros dali, em Belém, tendo por casa uma estrebaria e...
Estrangeirismos são usos de palavras de línguas estrangeiras no lugar de palavras e expressões de língua portuguesa. Todas as línguas mais faladas do mundo recebem e emprestam palavras e expressões. A língua portuguesa falada e escrita no Brasil, por exemplo, recebia em 1800 e nas primeiras décadas de 1900...
Além de barbarismo, solecismo e ambiguidade ou anfibologia, já vistos, há mais cacófato, neologismo, arcaísmo, eco e pleonasmo vicioso. Esses oito vícios de linguagem devem ser evitados na escrita de qualquer texto e também na fala fônica. Cacófato, do grego kakóphaton, é uso ruim e feio de sons, produzido...
Oito são os vícios de linguagem falada e escrita, cujos vícios, sempre que possível, devem ser evitados em grau máximo, pois barbarismo, solecismo, ambiguidade, cacófato, neologismo, arcaísmo, eco e pleonasmo vicioso em vez de embelezar o texto fônico e o texto gráfico enfeiam-nos. Hoje síntese de barbarismo, solecismo e...
Aqueles que escrevem textos, também em concurso para um emprego e vestibular para uma vaga na faculdade ou na universidade, devem evitar o uso de frases feitas ou modismos idiomáticos, clichês e chavões e obscuridade fraseológica. Frases feitas ou modismos idiomáticos são expressões cotidianas e populares que acabam se intrometendo...
Trazem-se aqui nove defeitos de um texto, de qualquer texto, também de um texto de concurso, de vestibular. Cada defeito, devido ao espaço de trinta linhas neste site, será hoje levemente apresentado com o nome, mais tarde, em outras ocasiões, merecerá mais atenção e terá mais detalhes e exemplos. Os...
Aventam-se aqui as principais qualidades de um bom texto escrito em quaisquer dias da vida. Esse bom texto escrito, portanto, faz parte não só da ocasião de concurso profissional ou de vestibular, mas também de todas as demais ocasiões, de todos os demais espaços onde deva ser escrito e...