Sendo franca, quando a rotina era mais corrida e não tinha tempo ocioso por causa da pandemia (não que eu tenha muito), ler era algo que não deixava de fazer. Mesmo não sendo uma leitora a jato (que lê dez livros por mês), me dedicava mais a este hábito....
Gosto de adquirir livros em sebo. Em alguns casos, como mostrei na semana passada, tive uma baita sorte em encontrar uma edição bem conservada. Mas nem sempre é assim. “Giovanni”, de James Baldwin (na edição nova “O quarto de Giovanni”) e “A terceira moça”, de Agatha Christie, estão mais...
Livros de sebo são uma relíquia. Vejam só o caso do último achado (recebido de presente) que descobri: Ana Karênina, de Liev Tolstói. Na minha modesta opinião é o livro que tem o início mais perfeito de todos (não vou descrevê-lo aqui, leiam e me deem sua opinião :...
Na semana passada estava em uma pequena ressaca literária, até ver, pelo twitter, uma indicação de leitura de uma obra que já tinha em casa - veio no clube de assinatura de livros, mas ele ficou lá na estante. No dia que recebi não me interessei pelo título: Minha...
Marina (1999), As Luzes de Setembro (1995), O Príncipe da Névoa (1993), A Sombra do Vento (2001), O Jogo do Anjo (2008), O Prisioneiro do Céu (2011) e O Labirinto dos Espíritos (2016) - da série Cemitério dos livros esquecidos- e O Palácio da Meia Noite (1994). Estes títulos...
Algumas obras tinha preconceito de ler (um conceito preestabelecido, como diz o título). Um exemplo é Harlan Coben. Não sei exatamente o porquê. Pensava que era literatura de autoajuda (nunca me passou pela cabeça pesquisar um pouco sobre o autor ou ler a sinopse de um livro). Bom, ano passado...
Leio para por prazer. Não gostava desse passatempo na infância e juventude, mas a vida adulta me fez perceber quão bom é. Claro, tem vezes que é muito mais fácil (e cômodo) ver o filme – que leva uma hora e meia ou duas para se concluir, que uma...
Nessa semana trago sugestões bem aleatórias. São, na verdade, sugestões para mim. São obras que vi pelas estantes da biblioteca pública e me chamaram atenção. Destes livros pouco conheço - em alguns casos, porém, já li outras obras ou já algo em algum lugar. Seguem: Sobre os Espelhos e Outros...
Para junho, me propus sugerir livros que estão disponíveis na Biblioteca Pública Policarpo Gay, de Santo Ângelo. Pois bem, semana passada cedi o espaço desta coluna para um editorial especial do JM, mas nessa, volto com as dicas. E, por falar nisso, semanalmente a Biblioteca atualiza a sua estante...
Junho vai ser um mês de sugestões (das melhores e das mais acessíveis). Todos os livros (exceto em casos de já terem sido emprestados) estão disponíveis na Biblioteca Pública Municipal Policarpo Gay, de Santo Ângelo - e, se tiver Biblioteca Pública na cidade de onde você lê esta singela...