Adiar, não querer ver, se conformar e continuar existindo…Desculpas até quando?

0
137

Quantas vezes você parou para pensar com profundidade na vida que levas e nos problemas que tens?
A tendência do ser humano é de buscar alternativas e mudanças somente quando a água está pelo pescoço, quando tudo parece sem sentido ou desmoronando. Até aí vai empurrando com a barriga, suportando mais um dia, se enchendo de remédios para conseguir viver uma situação que poderia “não facilmente”, mas, “possivelmente” ser resolvida com uma atitude, com uma decisão… com um NÃO ou um SIM.
A vida vai passando e a pessoa vai se afundando cada dia mais

1. Naquele emprego indesejado;

2. Naquele relacionamento fracassado;

3. Naquele vitimismo de desejar algo e não querer subir as escadas, continuando estagnado e esperando que um milagre caia do céu;

4. Naquele peso que subiu faz tempo e naquela mudança de estilo de vida que nunca chega;

5. Naquela ideia de que qualquer desconforto psicológico/emocional pode e deve ser controlado com medicação;

6. Naquele descontrole de querer o prazer imediato;

7. Naquela tendência de olhar-se superficialmente e seguir cometendo os mesmos erros, seguir levando a mesma vida, sem encontrar propósito, motivo para viver e significado na vida. Significado esse que vai muito além de sucesso profissional, de corpo e relacionamentos saudáveis… que entra no quesito da filosofia e mais além, da espiritualidade!
Esse é um caminho árduo, mas muito verdadeiro e intenso…
Conhecer o próprio ser é a liberdade que almejamos para ser feliz!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here