Dicas de como chegar a R$ 1 milhão na conta bancária

0
113

É notório o crescimento da economia brasileira nos últimos anos. Inclusive, nos últimos dias fomos alçados à condição de 6ª maior economia do mundo, segundo o Jornal Londrino “The Guardian”. Com o crescimento da economia brasileira como um todo, há também o crescimento da riqueza dos cidadãos brasileiros. Segundo estimativas do Banco Credit Suisse, o número de cidadãos com patrimônio acima de R$ 1 milhão irá saltar de 319 mil para 819 mil no país até 2016. Ou seja, um total de 271 pessoas diariamente irá atingir o sonho de juntar pelo menos R$ 1 milhão.

Mas o que é necessário para você atingir o R$ 1 milhão?

Obviamente atingir esse objetivo, demanda muita dedicação, trabalho duro, disciplina para poupar mais, gastar menos do que se ganha, enfim o caminho é longo para se atingir o objetivo. Para quem não possui um valor muito grande para investir e viver de renda, não precisa se desanimar, basta ter um maior conhecimento sobre os juros compostos e da mágica que eles podem proporcionar. Claro, para toda mágica funcionar é necessário paciência e tempo. Um exemplo, da mágica da utilização a favor dos juros compostos é a realização de investimentos mensais. Segue na imagem um exemplo:

O segredo também é pensar longe, lá no futuro, e não se deixar de levar pelo impulso consumista. É interessante antes de comprar algo, dar um tempo para pensar se aquilo realmente é necessário. Quando começar a aparecer alguma sobra, é hora de aprender a investir. A boa e velha caderneta de poupança é a opção inicial mais procurada, por sua simplicidade e segurança. Mas é possível, mesmo com pouco capital sobrando, investir em fundos de investimento de renda fixa com rendimento superior ao da poupança – que, na verdade, apenas protege o valor do dinheiro, mas não o faz crescer de verdade. Um exemplo, os Certificados de Depósito Bancários (CDB). Hoje existem empresas que possuem CDBs de vários bancos em apenas um único lugar, sem as taxas de manutenção, abertura de conta que os bancos cobram. Em Santo Ângelo e Região, a Experato Investimentos possui essa opção.

Outra dica é jamais confiar no gerente do banco (que vai tentar te empurrar os produtos que são mais interessantes para a instituição, mas não necessariamente para você) e buscar fontes de informação independentes como consultores especializados, empresas de investimento independentes, reportagens e colunas na imprensa, fóruns de discussão na internet, entre outras. Há opções interessantes para investimentos mais conservadores são o Tesouro Direto – uma forma de comprar títulos do governo sem a intervenção dos bancos – e os planos de previdência privada – que têm como principal atrativo a possibilidade de receber até 12% do que seria pago de imposto de renda pelo contribuinte.

Uma modalidade que vem ganhando adeptos rapidamente no Brasil são os fundos imobiliários. Eles reúnem grandes quantidades de imóveis e negociam cotas para os investidores. A remuneração vem dos aluguéis e de outras receitas eventuais obtidas nos imóveis. Como a tendência das taxas de juros é cair nos próximos anos, os fundos desse tipo acabaram ganhando popularidade. Rendem mais inclusive para quem pensa em investir em imóveis de maneira tradicional.

Seja qual for o investimento escolhido, vale uma observação: jamais acredite em propostas de investimento que tragam remuneração muito acima do mercado. É grande a chance de ser um golpe.