A praga do gafanhoto

0
490

No relatório apresentado ao Conselho Municipal de Santo Ângelo, o intendente Coronel Braulio de Oliveira no ano de 1907, citou sobre a praga que caiu em Santo Ângelo; a prega dos gafanhotos. Enormes nuvens de gafanhotos causaram estragos imensos na lavoura da comunidade. Quando eles chegaram, devoram rapidamente tudo o que era verde.

A zona que mais sofreu foi a serra do Uruguai. Em Santa Rosa e na Colônia Municipal, foram empregadas diversas turmas no trabalho para agitar panos vermelhos que, em tese, os espantariam na extinção.

Foi uma das pragas que se abateu no Egito de Ramsés. Os gafanhotos constam na Bíblia como uma das dez pragas enviadas por Deus ao Egito, para convencer o faraó a autorizar o retorno do povo judeu à Terra Prometida.

A descrição aparece no Livro do Êxodo, uma parte do Velho Testamento. Por onde passaram, deixaram estragos nos cultivos de milho, arroz, trigo e cana de açúcar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here