Gestão, Negócios & Cia

0
111

Caros amigos leitores, nesta semana, comento algumas frases célebres de pensadores que resumem muito o que precisamos incorporar a cada dia em nossas vidas e organizações.

Aristóteles já propagava que “Somos o que fazemos repetidamente. Por isso o mérito não está na ação e sim no hábito.”

A frase de Aristóteles é provavelmente o principal princípio da qualidade. O fator chave da excelência no que se faz já é conhecido, discutido e utilizado por aqueles que se destacam nos diversos meios há muitos séculos. Infelizmente, muitos outros ainda buscam explicações ao invés de desenvolver melhores hábitos e agir diferente.

Você somente consegue realmente utilizar o que lê, o que aprende em cursos, palestras, ao transformar este conhecimento em hábitos, que possam ser repetidos diariamente, gerando melhorias contínuas na sua vida, na sua organização, nos seus negócios. A melhor ferramenta de gestão, a melhor prática profissional que houver no seu segmento de atividade não vai gerar resultados e nem contribuir com a excelência, se você não tiver disciplina para incorporar como rotina, hábito e repetir diariamente.

Além de aprimorarmos constantemente aquilo que fazemos repetidamente, fazendo melhor e corrigindo eventuais falhas em cada nova oportunidade, estes hábitos vão fazendo com que sejamos mais conhecidos pela qualidade e foco naquilo que fazemos. Assim, aquilo que fazemos repetidamente vai nos tranformar em referência, pelo hábito e também vai fazer parte da nossa marca pessoal e profissional.

Você deseja aumentar o valor do que você faz? Procure aprimorar a cada dia mais aquilo que você faz, transformando seus hábitos e agregando a excelência à sua marca pessoal.

“O único meio de se fazer um grande trabalho é amando o que você faz.” (Steve Jobs)

Nesta frase, o lendário CEO da Apple resume em poucas palavras aquilo que muitos pesquisadores vem evidenciando, muitos autores vem escrevendo e muitos palestrantes vem falando nos últimos anos. Em outras palavras, Jobs quis lembrar que só conseguiremos fazer grandes negócios, se amarmos os negócios, faremos grandes vendas, se amarmos vender, textos inesquecíveis, se amarmos escrever, aulas inesquecíveis se amarmos lecionar, produtos excelentes se amarmos aquela atividade, aquele produto e os clientes daquele produto.

Quando ouço alguns executivos queixando-se da qualidade do serviço da sua equipe, ou da produtividade da sua empresa, eu constumo perguntar se já foi avaliadoo quanto cada profissional que trabalha com ele, ama o que está fazendo, sua empresa, seus produtos, seus clientes.

Os pesquisadores que estudam cientificamente a motivação são unâmimes em nos provar que a motivação é o resultado da interação do indivíduo com a situação. Desta forma, as pessoas vão fazer muito bem, apenas aquilo que estiverem motivados para fazer, tendo portanto uma interação pessoal com a situação em que se está envolvido. É preciso investir na avaliação do que motiva você e sua equipe. Identificado estes fatores, é preciso agir desenvolvendo um clima e uma relação de trabalho que faça com que cada pessoa aprenda a amar o que faz e assim desenvolva o seu trabalho cada dia melhor.

É preciso lembrar também que cada pessoa se motiva por situações diferentes e que portanto, se você desejar ter uma equipe mais ativa, mais envolvida, mais motivada, amando o que faz, é preciso diversificar os esforços de motivação e os estímulos promovidos pela sua organização.

Aproveito para desejar a todos, excelentes negócios!