Gestão, Negócios & Cia

0
114

Hoje compartilho com os amigos a frase de Frederico Felini, quando afirmou “Você só existe nas coisas que faz.”

Liderança e trabalho em equipe

Com este título tive o privilégio de palestrar no Seminário Distrital do Rotaract, D-4660, no último domingo, e aproveito para compartilhar com os leitores algumas premissas da função liderança, fundamental para a sobrevivência e prosperidade de organizações e grupos de qualquer natureza. Gosto muito do assunto, por minhas exercer atividades de liderança, mas também por estudar, pesquisar, compartilhar ensinamentos sobre liderança para muitos públicos diferentes.

Para ser líder, ou participar com bom relacionamento de um grupo, é fundamental entender que as pessoas são complexas e muito diferentes entre si, o que gera motivações e interesses muito diferentes nos grupos. O líder que conseguir entender e explorar a motivação individual de cada pessoa em favor dos objetivos do grupo e da organização, terá resultados cada vez mais positivos.

Ter e consolidar o respeito das pessoas é tão primordial quanto entender que a liderança é conquistada e nunca imposta. Quanto falta respeito, o poder de influência e de articulação se esvai e o grupo se dispersa. Para tanto, não basta “ser um cara legal”, a reputação deve ser construída continuamente com atos em prol do grupo e da sociedade. Nada disso é possível sem um bom caráter, que vai sendo contruído ao longo da vida de cada um e não se sustenta sem ética.

Os líderes devem ser os principais motivadores e inspiradores do grupo visando o alcance dos objetivos comuns. Ao motivar e inspirar o seu grupo, o líder ficará cada vez mais forte na percepção dos outros e de si mesmo. Para isso, aprimorar as habilidades de comunicação, tanto verbal, quanto visual, além do entendimento das suas atitudes, deve ser uma preocupação constante.

O líder nem sempre é compreendido e a resiliência é uma qualidade que precisa ser desenvolvida constantemente, inclusive promovendo-a na sua equipe. Também é importante para um grande líder, correr riscos, porém, de forma calculada, o que gerará um respeito cada vez maior, contribuindo com a sua reputação.

Criar e desenvolver estratégias e planejar a sua execução e implantação, mostram a qualidade do trabalho do líder e geram admiração pela segurança em relação ao futuro e a busca por alternativas frente aos desafios que precisam ser superados. A atitude para fazer e mostrar é um dos fatores que mais contribuem para gerar uma imagem positiva, através de ações, e resultados obtidos, que fortalecerão o seu currículo e gerarão experiências que contribuirão para a sabedoria necessária ao líder de respeito e sucesso.

Você que exerce funções de liderança, ou pretende exercer, lembre-se ainda de mostrar o que faz, mais do que falar, orientar e ordenar. Esta atitude, combinada com uma imagem de respeito, gera uma grande reputação para uma liderança forte e com muita longevidade.

Finalizo desejando sucesso profissional e ótimos negócios aos amigos leitores! Um abraço e até a semana que vem!