Sobre gratidão

0
151

Sei que já escrevi outras vezes neste espaço sobre gratidão, mas considero de tamanha relevância este tema, que sobre gratidão, precisamos todos aprender muito. Começando pelas famílias no convívio e na educação com seus filhos, passando pela educação básica, pela qualificação profissional e ações das organizações empregadoras, há muito que se desenvolver nas pessoas no que se refere a gratidão.

Peço que o bondoso Deus me ilumine e a cada um dos meus amigos, leitores e conhecidos, para que possam ser gratos ao tanto que recebem seja do poder maior no qual acreditam, no que aprenderam e receberam de suas famílias, nas salas de aula, nos convívios, em eventos, nos estágios, nos empregos, nos trabalhos voluntários. Que possamos ser gratos com cada trabalho no qual nos envolvemos e onde ainda vamos trabalhar, pois sempre há muito aprendizado onde quer que nos envolvemos. Particularmente sou muito grato com todas as organizações para as quais trabalhei, pois em todas aprendi muito e todas, de alguma forma, ajudaram a colocar o “pão na mesa” e proporcionar mais conforto e segurança para minha família. Há como não ser grato a isso? Infelizmente, há!

Sempre haverá o que não nos agrada em algum detalhe, mas é preciso avaliar se aquele ponto pode ou deve barrar nossa gratidão a todo o restante que foi engrandecedor. Tudo o que tem se pesquisado sobre felicidade mostra que o caminho a ser trilhado primeiro é ser grato por tudo o que já alcançamos e ainda vamos alcançar. O sentimento de ser e estar grato é muito poderoso para atrair o que desejamos de bom. A gratidão é um estado de graça, pois quando estamos gratos à vida nos sentimos mais leves e felizes. Praticar a gratidão é muito importante para atraímos mais coisas positivas para a nossa vida.

O lamentável é que em algumas pessoas, a gratidão é um sentimento que envelhece muito depressa. A gratidão é um fruto de grande valor, principalmente porque só se encontra em pessoas de grande valor. Pense naquelas pessoas que não conseguem se sentir gratas por mais que tenham recebido! Questionem e avaliem o valor destas pessoas, inclusive para de alguma forma, protegerem-se e aprender sempre. Fazer o bem e ser grato, por mais que haja reveses e grandes decepções proporcionadas seres muito ingratos, infelizes e aproveitados que inoportunamente nos atacam, nunca deveria reduzir o nosso espírito voluntário e pró-ativo em favor dos outros.

Vivenciei e acompanhei situações das mais diversas em minha caminhada. Por toda a minha vida tenho sido voluntário de diversas entidades, o que também tenho feito de forma individual. Sempre que posso auxiliar pessoas a buscarem colocações profissionais e progredirem na carreira, não meço esforços. O que recebo em troca é a satisfação de ver o sucesso pessoal e profissional destas pessoas. Me inspiro em gente do bem, que faz muito mais do que isso e que me deixam com vontade de fazer muito mais. Assim como muitos leitores, também fui vítima de uma tentativa de um golpe trabalhista e financeiro absurdo e insano, da pessoa que emprestei mais auxílio. Gente ingrata, aproveitadora e golpista nunca deveria conseguir desanimar quem é grato e procura devolver ao mundo parte do que recebe.

Uma pessoa grata, que faz o bem e sem muito olhar a quem, é muito maior do que ingratidão, traição, tentativas de golpes que alguns poucos infelizes, aos quais o universo implacavelmente retorna o que proporcionam. Mesmo arriscando ser vítima de golpes de aproveitadores, é preciso seguir fazendo bem, com fé e a certeza de que a felicidade está na serenidade e na gratidão ao que se recebe!

Um abraço, e até a próxima!