Eles viram Ovnis

0
192

Há algumas décadas ninguém ousava falar ou crer em objetos aéreos não identificados (OVNIs), os discos voadores, impunemente. Logo, era sentenciado pelos circunstantes:

– Esse cara tá ficando pirado…

Eu sempre acreditei na pluralidade dos mundos habitados, mas nunca vi uma nave interplanetária. Mas entrevistei o tratorista da Prefeitura de Sarandi, Artur Berlet, abduzido por tripulantes de um disco voador e levado ao planeta Acart. Ademar Gevaerd, editor de revista de ufologia, organizou o recente Fórum Mundial de Contactados em Porto Alegre. Ele disse aos repórteres:

– Não consigo imaginar como alguém consegue ser cético em 2015. Uma nave já pousou em um asteroide e um cara vem me dizer que não existe disco voador?

Indagados, três amigos garantem que disco voador não é conversa pra boi dormir… O Luiz Nicola, atento pesquisador do esoterismo em qualquer variante, participante assíduo das rodas de conversa no bar do Panzenhagen, me assegura:

– Alguns anos passados, pela madrugada, observei uma grande nave estacionada no aeroporto de Santo Ângelo. Como eu estava ouvindo música gaúcha (havia fandango em um CTG próximo), passei a observar a nave desconhecida, que apresentava variedade de luzes. Em dado momento, resolvi contatar psiquicamente com seus tripulantes. E obtive sucesso, travei bom diálogo com eles. Eu fazia determinada pergunta e pedia que a resposta fosse dada por movimentos da nave ou através de sinais luminosos. Então, não alimento a menor dúvida sobre a existência dos ovnis.

Paulo Prado Machado, presente no Fórum de Porto Alegre, fala pra quem quiser ouvir:

– Vi uma bola luminosa esverdeada há uns quinze anos, no momento em que saía para a URI, lá no Bairro Haller. Fui parando e quando via alguém andando, eu perguntava a essa pessoa se tinha visto algo no céu. Duas confirmaram a minha descrição.
O advogado paulista Hugo Valle mora em Guaratinguetá (SP), casado com a santo-angelense Simone Kusiak, tem muito a contar sobre as naves extraterrestres:

– Em 1986, ocorreu aqui no Vale a noite oficial dos discos voadores no Brasil (foram perseguidos por caças da FAB). O Cid Moreira deu a notícia no Jornal Nacional, edição de 21 de maio, o vídeo em anexo. O jornal da Manchete também noticiou o estranho evento. Por aqui todos acreditam na existência dos OVNIs ou UFOs. Em 1996, um disco voador pousou dentro da base da FAB em Guaratinguetá. No ano seguinte, eu vi discos voadores, após a aula da Faculdade, na direção da Serra do Mar. Vários colegas de Faculdade são testemunhas.

Lá de Salvador (BA), o santo-angelense Gilberto Steinmetz acompanhou a conversa e comentou: “muitas histórias interessantes e testemunhos que só vêm corroborar nossas certezas”.

A FRASE DO CHICO XAVIER, curtida por Edu Aquino Ávila: “Vigiar o pensamento significa viver de mãos ocupadas no bem”.