10 anos

0
109

Nesta última retrospectiva, acontecimentos de 2004.
Aos 88 anos morria, no Rio, o ex-governador Leonel Brizola.
Naquele ano, secretário de Saúde Osmar Terra anunciava realização de auditoria no Hospital Santo Ângelo.
No esporte, Grêmio Porto-alegrense era rebaixado à Serie B do Campeonato Brasileiro.

10 anos II

Seca assolava regiões do RS.
Em Santo Ângelo provocava quebra de 25% das lavouras de soja, milho e prejudicava produção leiteira.
URI Santo Ângelo completava 12 anos entre as melhores do ensino superior.
D. José Clemente Weber substituía ao bispo D. Estanislau Amadeus Kreutz.

10 anos III

Número de cadeiras da Câmara de Vereadores despencava de 21 para 10.
Gabinete do prefeito José Lima Gonçalves era arrombado, sem pistas e impressões digitais.
Integrantes da Escola de Samba Beija Flor visitavam região, colhendo subsídios para enredo do Carnaval do ano seguinte. Tema: 7 Povos das Missões.

10 anos IV

Vítima de infarto, morria candidato a prefeito e presidente da Câmara de Vereadores, Juarez Alves Lemos, aos 53 anos.
Também falecia médico Renato Ketner, 51 anos, de parada cardíaca.
Eduardo Debacco Loureiro era eleito prefeito. Seu vice, Adolar Queiroz.
Era instalado o Comando Regional de Polícia Ostensiva Missões, em Santo Ângelo. Coronel Nilson Bueno assumia o comando.

Trapalhadas

Amigos petistas queixando-se dos maus tratos da coluna ao partido…
Mas como tolerar medidas iguais à do Ministro, Guido Mantega, que desembocarão no aumento da conta de energia elétrica para cobrir rombos. Conforme Mantega, o Tesouro não pode suportar e repassará a conta de R$ 1 bilhão e 200 milhões! Esqueceu-se de dizer, resulta do ‘presente grego’, que baixou os preços, quase arruinando as distribuidoras.

Trapalhadas II

Como os impostos são pagos pelo povo, arcaremos duplamente com a falta de infraestrutura governamental. Aumentará índices de inflação e para diminui-los haverá aumento dos juros.
Como desgraça pouca é bobagem, Dilma quase criou caso diplomático com a Bolívia. Colocando mal as palavras deu a impressão de culpar o país pelas cheias que castigam estados do Acre e Rondônia.
Nota da Secretaria de Imprensa da presidência informou que a fala atinha-se a fatos climáticos, não geopolíticos.

Homenagem
Mauro Azeredo, quando prefeito, foi o construtor do Parque de Exposições e recriador da Fenamilho, cuja única edição ocorrera em 1954.
Agora fiquei sabendo, de fonte credenciada, poderá ser homenageado por ter enfrentado e vencido essa espinhosa senão desafiadora missão.

Homenagem II

A Fenamilho, desde seu relançamento, cresceu, teve seu parque ampliado e, em várias administrações, foi permanentemente melhorada, constituindo-se na maior atração do município, com abrangência internacional.
Homenagem, caso confirmada, será justíssima. Reeditar uma Feira realizada apenas uma vez era missão das maiores.

Volta

Diz-se, Lula da Silva seria candidato à sucessão presidencial.
Motivação não lhe faltaria.
Mas, concorrendo e vencendo, faria o que?
Os problemas são muitos, há promessas não cumpridas por ele e Dilma.
Entretanto, com sua eleição e seu poder de sedução, o PT – conforme analistas – estaria mais próximo do controle absoluto. Dos executivos aos legislativos estaduais, passando por demais poderes e instituições!

Sucessão

Parte do PMDB gaúcho, ao indicar José Ivo Sartori pré-candidato à sucessão estadual, com 72% dos votos, não se alinhará aos que apoiam Dilma. Deve franquear seu palanque ao candidato do PSDB ou PSB.
PT e aliados aproveitaram aniversário de Tarso Genro para lançá-lo à reeleição.

Sucessão II

Como o PTB deverá indicar candidato a vice, cogitam-se Sergio Zambiasi ou o Secretário do Trabalho, Luís Augusto Lara. Há quem aposte em Lara, pois Zambiasi não compareceu à festa, mesmo convidado a ser um dos oradores, sendo substituído pelo Secretário! Dissidência à vista?
Pré-candidata do PP, senadora Ana Amélia acompanha desdobramentos, o mesmo acontecendo com pré-candidato do PDT, Vieira da Cunha.

Simon

Senador Pedro Jorge Simon é detentor de extensa folha de serviços. Seus diversos cargos, no Executivo e Parlamento, são conhecidos.
Não sou amigo dele, nunca votei nele. Como tantos, o conheço da política. Em 1984, em São Borja, estivemos juntos. Eu como repórter, ele acompanhando a Brizola, Tancredo, entre outros, nos 30 anos da morte de Getúlio Vargas.
Mas, não invalida lamentar o linchamento da sua biografia.

Simon II

Num momento de monumentais desvios do dinheiro público, ganhar espaços na mídia gastos feitos por cidadão com créditos junto à opinião pública, é assustador.
Aparentemente, nada que o senador Pedro Simon realizou durante sua longeva vida política valeu.
É um lamentável massacre.
Outros tantos, com pouco ou nenhum mérito, açambarcaram o dinheiro do contribuinte, mas safaram-se da indignação popular e do pré-julgamento midiático.

Simon III

Comenta-se, senador estaria preparando-se para encerrar sua jornada política.
Quem passou por tantos cargos, servindo à população, mereceria uma reflexão mais justa dos motivos para eventual uso de recursos do contribuinte e uma releitura da sua contribuição ao RS.
Talvez lhe fosse devido bem mais do que uma prótese!

Diversas

Parabéns, Santo Ângelo por mais um ano de vida emancipada!

*****Famurs excluída da Mesa Diretora do Conselho Estadual de Assistência Social. Conselho fiscaliza políticas do RS na área assistencial. É outro lamentável episódio gerado pelas incompatibilidades entre Governo e Famurs.

*****Conselheiro Adroaldo Loureiro, um dos idealizadores da Associação dos Santo-angelenses, convidando para reunião, no Amambu Café, sexta (28), às 20h30min, na Capital. Na pauta, revitalização da entidade.

*****No FB, ex-governadora Yeda Crusius contesta: “Pibão foi o meu”. Referia-se aos índices do PIB festejados pelo Governador. Dela foi de 7,8%. O de Tarso, até aqui 6,37%!

*****Ministro Joaquim Barbosa considerou desumanas atuais condições do Presidio Central da Capital. Para ele “é prova da falta de civilidade nacional”!

*****Empresa produtora dos leites Parmalat e Líder prossegue desrespeitando a lei. Até quando? 

Reflexão da semana
“Senhor, se eu me esquecer de Ti, nunca Te esqueças de mim” – (Mahatma Gandhi).