Malala

0
159

No ano passado, quando Malala Yousafzai recebeu o prêmio Sakharov do Parlamento Europeu, ficando próxima de ganhar o Nobel da Paz, lamentei.
Aos 17 anos, é premiada com o Nobel da Paz, dividido com um indiano. Desde os 12, Malala desafiou a milícia talibã, tentando estudar. Na vila onde nasceu, esse direito era dos homens. Mulheres deveriam cozinhar, casar, ter filhos… Quando ela tinha 15 anos, milicianos a feriram na cabeça. Foi para Londres fugindo dos que a impediam de lutar pelo direito de estudar.
Cruzada da Nobel da Paz é pelo acesso de meninas à educação, no Afeganistão e Paquistão.

1984
Depoimentos do doleiro Alberto Youssef e do ex-diretor da Petrobras, Paulo Roberto Costa, apimentam o segundo turno. Esquema milionário de propinas orquestrado por Costa financiaram campanhas de políticos petistas, pepistas e peemedebistas.
Um por cento dos contratos era o pedágio que Youssef recolhia a mando de Costa, indicado ao cargo pelo PT.
Próximos depoimentos ao juiz federal de Curitiba, Sergio Moro, devem trazer novidades.
Acusações são negadas veementemente pelo PT. Entretanto, seu tesoureiro João Vacari Neto é apontado como operador do esquema e tido como mais faminto por dinheiro público que seu antecessor, Delubio Soares.
Petistas e o Planalto sob tensão. Dilma proibiu comentários de ministros.

1984 II
Áudios dos depoimentos alimentam marqueteiros de Aécio na propaganda eleitoral de TV e rádio. Pesquisas refletiram seu impacto em Dilma. Numericamente, nas últimas pesquisas, ela está em segundo lugar, se bem que tecnicamente empatados.
Dilma Rousseff considerou a divulgação dos depoimentos como ‘golpe’. ‘Eles jamais investigaram, puniram, procuraram acabar com a corrupção. Estão dando um golpe’, atacou. Detalhe que ela pulou por desconhecer ou não interessar: depoimentos não correm em segredo de Justiça, portanto estão livres ao público.
Para o ministro do STF Gilmar Mendes, tese de condicionar andamento do processo da Operação Lava Jato ao calendário eleitoral parece brincadeira. ‘Levantou-se este mesmo argumento na época do julgamento do mensalão. De tão absurdo, chega a ser risível’, ironizou.

1984 III
Marqueteiros, diante dos fatos, induzem presidente-candidata a frases desconexas nos debates e a criticar injustamente a investigação dirigida pela PF desde a operação Lava Jato.
Quando não são os ‘golpes’, gosta de fustigar a imprensa. ‘Papel da imprensa não é investigar’, decretou, enquanto anunciava que pediria ao STF acesso aos depoimentos de Paulo Roberto Costa, que, por sinal, não levou.
Nessas ocasiões de escuridão, recordo frase do jornalista e escritor inglês George Orwell, autor de ‘1984’: ‘Jornalismo é publicar aquilo que alguém não quer que se publique. Todo o resto é publicidade’.
Parece, presidente-candidata não leu ‘1984’ e a crítica de Orwell ao totalitarismo.

Manipulação
Governador-candidato, Tarso Genro, derrotado no primeiro turno, em vídeo transitando na rede, também ataca a ‘grande mídia’.
Denuncia estar em curso ‘manipulação eleitoral brutal, um golpe contra a democracia neste segundo turno’. Conforme Tarso, manipulação lembra o tempo de Collor.

Estratégias
Qual a melhor estratégia para enfrentar o escândalo da Petrobras?
Pergunta divide cúpula de campanha da candidata-presidente.
De um lado, os que defendem reconhecimento dos erros de gestão da estatal. Com isso, grupo liderado pelo marqueteiro João Santana e Miguel Rossetto imagina que poderiam ser enfrentadas as denúncias que arranham a imagem do partido, enfraquecendo a campanha na reta final.
Outro grupo, liderado pelo presidente Rui Falcão, opta por questionar as acusações de Paulo Roberto Costa.
Informa-se, Dilma gosta da tese de Santana, descolando-se do ‘petrolão’. Todavia, estaria temerosa em se posicionar.

ICMS
Do blog Acerto de Contas, de Giane Guerra: ‘Municípios gaúchos projetam receber R$ 360 milhões a menos de ICMS’.
Depois de informar que estudo é da Famurs, jornalista acrescenta que foi usada estimativa da Secretaria da Fazenda de arrecadar R$ 25,9 bilhões. Entidade acredita que a receita será de apenas R$ 24,5 bilhões até dezembro.
Queda na arrecadação reflete nos municípios, que recebem 25% desse tributo. Conforme a Famurs, queda decorre do baixo crescimento da economia do RS.

Fôlego
Impressionante fôlego do recém-eleito deputado Eduardo Debacco Loureiro.
Descansa dos três duros e finais meses de campanha, viajando, visitando apoiadores na cidade, região e localidades mais distantes, agradecendo maciça votação recebida. É amostragem da sua disposição de trabalho nos próximos quatro anos de Assembleia.

Diáspora
Integrantes do PSB santo-angelense renunciaram aos postos executivos e se desfiliaram.
Na correspondência ao presidente estadual, Beto Albuquerque, principal motivo para a diáspora é o fato de sentirem-se impedidos de promover a campanha à eleição devido às divergências ideológicas e à postura dos mandatários tucanos em cargos no Executivo federal.
Destacam o ‘respeito à história do PSB, que possui bandeiras antagônicas às defendidas pelo PSDB’.

Diversas
TSE negou pedido da campanha de Dilma, permitindo que a de Aécio continuasse a explorar sugestão do secretário de Política Econômica de ‘trocar carne por ovo’, para diminuir inflação.
*****Debate na Band tenso. Poucas propostas, muitas provocações. Dilma nervosa. Aécio conseguiu expor projetos. Gestão tucana em MG, Bolsa Família e corrupção na pauta. Sobre financiamento do porto cubano, pelo BNDES, Dilma não abriu a caixa-preta.
*****Presidente do TCU e da Olacefs, Augusto Nardes, anunciando formação de rede contra a corrupção na América Latina. Em novembro, durante Congresso, reunindo magistrados, MP, Polícia Federal e demais instituições, tema estará em debate.
*****Proposta pelo vereador Paulo Azeredo, realizada sessão especial na segunda-feira, 13, sobre o Ano Internacional da Agricultura Familiar. Destacadas relevância do setor e importância da elaboração de políticas públicas para seu desenvolvimento.
*****Criminalidade assolando. Dentro ou fora de casa, ninguém está seguro. Apelar a quem? Enquanto governantes nada fazem, rezemos para escapar das estatísticas.
*****Senador eleito Lasier Martins votará em Sartori e Aécio. Disse ter encaminhado pedido a que, caso eleito, contemple pleitos do RS.
*****CEEE recuou no aumento de 34,99% das contas de luz! Seria um apagão no bolso dos usuários.
*****Comissão de Ética do PR iniciou ou iniciará processo de expulsão do vereador Marcos Mattos. Motivo: infidelidade partidária. Mattos é secretário de Turismo municipal.