Asaf leva goleada em Bento Gonçalves

0
92

Time missioneiro levou cinco gols somente na primeira etapa e não conseguiu reverter o placar

A Asaf foi para a Serra Gaúcha neste sábado tentar a primeira vitória no Estadual Série Ouro 2013, diante do BGF, no Ginásio Municipal de Bento Gonçalves. Porém, acabou levando goleada de 7×2, que deu a primeira vitória ao time da Serra.

PRIMEIRO TEMPO

O primeiro tempo foi marcado pelos cinco gols do time de Bento Gonçalves, que já abriu o placar a 1min7s. Pelé, de pé esquerdo, marcou para o time da Serra: 1×0.

Aos 2min50s, o Bento Gonçalves amplia o marcador. Após Márcio espalmar, Carlão não desperdiça a chance e marca: 2×0. Aos 4min51s, BGF faz 3×0, novamente com Carlão.

O técnico Raul Sawitzki pede tranquilidade e movimentação ao time da Asaf. Tiaguinho arrisca alguns chutes de longa distância, porém sem converter em gols. Aos 14min, Tiaguinho recebe passe de Maurício, mas bola raspa o poste pelo lado direito e vai para fora.

Aos 15min30s, o Bento Gonçalves amplia o placar com Carlão: 4×0. Aos 16min18s, Carlão, de novo, faz 5×0 para o time de Bento Gonçalves.

SEGUNDO TEMPO

Na segunda etapa, a Asaf conseguiu descontar, mas também levou mais gols do time da Serra gaúcha. A 1min43s, o time missioneiro diminuiu a diferença, com gol de Fabinho: 5×1. Aos 2min, Gustavo entra de goleiro linha na Asaf, visando reverter o placar.

Aos 4min59s, Ronaldo marca para o BGF: 6×1. Aos 7min59s, Diógenes desconta para a Asaf: 6×2. Aos 14min4s, o time de Bento Gonçalves faz 7×2 com mais um gol de Carlão, que bateu do meio de quadra, desviou em Kiko e foi para a linha de fundo.

REUNIÕES DA DIREÇÃO

O presidente da Asaf, José Augusto Zanetti, afirmou ao final da partida que o time jogou mal. Ele disse que nesta semana a direção deve se reunir e decidir que mudanças haverá na equipe e/ou comissão técnica. “Vamos colocar o que aconteceu e ver qual a melhor saída, pois isso não pode continuar assim. Faltou garra dos jogadores; o jeito que a Asaf jogou não é o que conhecemos”, afirmou.

O técnico Raul Sawitzki, após o jogo, disse que o primeiro tempo dessa partida “não é para ser esquecido”, e que servirá para o atleta tirar lições. “Na segunda etapa conversamos, veio outra equipe, mas o primeiro tempo já havia definido a partida. Tivemos boas chances de gol na primeira etapa, mas tinha o primeiro tempo praticamente decidido o resultado”, acrescentou.

Raul lamentou que, nos treinos, a marcação vem melhorando, porém esse desempenho não foi visto no jogo. “Faltou atitude dos jogadores”, finalizou.

FICHA TÉCNICA

Bento Gonçalves: Alemão, Carlão, Paulo Renato, Pelé e Ronaldo. Victor, Kevin, Bruno, Tatão, Foppa, Tibagi e Tiago. Técnico: Vaner Flores.

Asaf: Márcio, Diógenes, Gustavo, Tiaguinho e Maurício. Sanderson, Robe, Kiko, Fabio Correia e Fabinho. Wyllian, Jair, Marcelinho e Cidão. Técnico: Raul Sawitzki.

GOLS: Pelé, a 1min7s do 1º tempo; Carlão, aos 2min50s, aos 4min51s, aos 15min30s e aos 16min18s do 1º tempo, e aos 14min4s do 2º. Ronaldo, aos 4min59s do 2º (Bento Gonçalves). Fabinho, a 1min43s do 2º; Diógenes, aos 7min59s do 2º (Santo Ângelo).