Leandro Machado avalia como pouco produtivo jogo-treino entre Santo Ângelo e Sepé Tiaraju, que terminou em confusão

0
119

O técnico Leandro Machado avaliou como nada produtivo o jogo-treino realizado no último domingo, em Entre-Ijuís, contra a equipe do Sepé Tiaraju. “Serviu apenas para movimentar os atletas e fazer um treinamento com uma equipe diferente. A ideia era observar os atletas em determinadas situações, mas infelizmente isso não foi possível, por vários fatores, como o sol forte, o campo muito ruim e arbitragem que não deixou o jogo andar”, avalia.

Machado reuniu os atletas na manhã de ontem, antes do treinamento e se desculpou em nome da comissão técnica. “A comissão técnica cometeu um erro ao expor os atletas a um jogo naquelas condições. Peço desculpas a eles”, reflete.

O JOGO

O Santo Ângelo jogou cada tempo com uma equipe. Márcio, Leandrinho, Saulo, Rodrigo Ramos e Sander; Amaral, Donavan, Aldair, Bruno Flores; Eder Machado e Eder Ceccon, os jogadores considerados titulares. Com excessão de Bruno Flores, que substituiu Tiago Rocha, e Leandrinho, que atuou no lugar do ala direito Gudi, ambos poupados por sentirem dores.
Na primeira etapa, um lance de destaque foi o pênalti defendido pelo goleiro Márcio.

Na segunda etapa, entraram em campo Maicon, Sandi, Gustavo Xavier, Renato e Geovani Marabá; Pavão, Rafael Reis, Bruno Flores e Felipinho; Paulinho e Roberto. O atacante Roberto anotou o único gol da partida, de cabeça após cruzamento de falta na área.

Faltando pouco mais de 10 minutos para o final da partida, uma confusão envolvendo jogadores das duas equipes forçou o término da partida.

TRABALHO

O Santo Ângelo trabalha, nesta terça-feira, em dois turnos, e na quarta à tarde faz um coletivo.

Na quinta à noite, às 20h, enfrenta o Inter-SM, no Estádio da Zona Sul.