Santo Ângelo fica apenas no empate contra o Farroupilha na Zona Sul

0
95

Equipe missioneira apresentou dificuldades no primeiro tempo, levando gol

 Apesar do esforço, o Santo Ângelo ficou apenas no empate de 1 a 1 contra o Farroupilha, na noite desta quarta-feira (22), no Estádio da Zona Sul. Do grupo, o time missioneiro foi a única equipe que não conseguiu vencer jogando em casa.

No início do primeiro tempo, o Santo Ângelo foi para cima do Farroupilha. Aos 1min e 40s, Felipe Garcia quase abriu o placar após receber a bola de William.

Um princípio de confusão também marcou o primeiro tempo. Wágner Rincón, do Farroupilha, deu um empurrão em William do Santo Ângelo. No estranhamento dos jogadores, o árbitro não teve dúvidas e deu cartão amarelo para Alex Silveira e Wagner Garibaldi. Em outro lance de disputa, Carlão, do Farroupilha, recebeu cartão amarelo ao fazer falta no jogador William.
O Farroupilha cresceu no jogo e foi para o ataque com Jabá, que chutou uma forte bomba contra o gol do Santo Ângelo. O jogador Márcio, no entanto, conseguiu impedir o gol.

Aos 32 minutos, a equipe missioneira deu a resposta com forte chute de Alex Espíndola depois de pegar um rebote de cobrança de falta de Bruno Flores. O goleiro Diego, porém, defendeu a bola. Já aos 44min50s, Wágner Rincón, de pé esquerdo, na entrada da grande área, abriu o marcador para o Farroupilha, com um forte chutão no ângulo esquerdo do goleiro Guilherme Costela.

SEGUNDO TEMPO

No segundo tempo, o time do Farroupilha voltou melhor em campo e o técnico Luciano Corrêa mexeu na equipe, colocando Jean Silva no lugar de Alex Silveira. Com a mudança o Santo Ângelo voltou a pressionar o time adversário. O Santo Ângelo atacava, mas sem objetividade. O treinador do Santo Ângelo acabou sacando Alex Espíndola para a entrada de Delmer.
A pressão na partida aumentou e aos 30 minutos da segunda etapa o Santo Ângelo conseguiu o empate, através de Rafinha. O atleta pegou um rebote dentro da zaga do Farroupilha e igualou o placar em 1 a 1.

RENDA BLOQUEADA

Durante entrevista, o presidente do Santo Ângelo, Vando Ribeiro, lamentou o resultado e disse que não pode acompanhar de perto o jogo, tendo em vista que estava mantendo contato com os oficiais de justiça que estiveram no Estádio da Zona Sul recolhendo a renda do jogo. Vando disse que os recursos foram bloqueados para pagamento de dívidas antigas do clube com jogadores. O dirigente está preocupado com o futuro do Santo Ângelo pela ação da Justiça e pela falta de recursos. Vando disse que vai tentar ao menos manter a equipe na Série A2.

SORTEIO DO CAVALO
Durante o intervalo do jogo entre o Santo Ângelo e o Farroupilha aconteceu o sorteio de uma égua para a torcida. O número premiado foi o 1.236. O ganhador foi Flávio Winkler, que fez planos para cuidar do animal. Também foram sorteados outros prêmios para o público presente no Estádio da Zona Sul.