Aposentadorias com novo mínimo

0
206
O abono de Natal será antecipado e pago junto com os benefícios de abril e maio

Os mais de 24 milhões de aposentados e pensionistas do INSS que ganham salário mínimo começam a receber o valor do novo do piso previdenciário. O instituto paga nesta segunda-feira (27) benefícios de R$ 1.039 para os segurados com fim de inscrição 0. Será o primeiro pagamento de aposentadorias, pensões e auxílios com o mínimo reajustado no fim do ano passado pelo governo.

Os créditos são referentes à folha do mês de janeiro. O calendário para quem ganha salário mínimo segue até o dia 7 de fevereiro, conforme o final do benefício. Em 2019, o salário mínimo era de R$998 e subiu em janeiro para R$1.039, ou seja, alta de 4,11%.

Já na folha de fevereiro, os aposentados e pensionistas do INSS que recebem o piso terão o valor reajustado para R$ 1.045. Neste caso, o crédito dos benefícios começa a ser feito a partir do dia 14 do mês que vem. A nova correção é devido à distorção provocada pelo reajuste concedido aos segurados da Previdência que ganham acima do salário mínimo. Este grupo teve reajuste de 4,48%, devido ao acumulado do INPC em 2019.
Os cerca de 11,7 milhões de aposentados e pensionistas que ganham acima do mínimo vão receber os novos valores na folha de janeiro. Para quem ganha a cima do piso, o crédito será feito entre 3 e 7 de fevereiro, de acordo com o final do benefício. Com a correção de 4,48%, o teto da Previdência subiu de R$ 5.839,45 para R$6.101,05.

Outros pagamentos da Previdência são reajustados
Além das aposentadorias e pensões, outros benefícios pagos pela Previdência também foram reajustados. Quem recebe, por exemplo, a pensão especial devida às vítimas da síndrome da talidomida, o valor subiu para R$1.175,58, a partir do dia 1º de janeiro.

No caso do auxílio-reclusão, pago a dependentes de segurados presos em regime fechado, o salário de contribuição terá como limite o valor de R$ 1.425,56. A cota do salário-família será R$ 48,62, para quem tem remuneração mensal não superior a R$ 1.425,56.

O Benefício de Prestação Continuada da Lei Orgânica da Assistência Social, o BPC/LOAS, destinado a idosos e a pessoas com deficiência em situação de extrema pobreza -, a renda mensal vitalícia e pensões especiais de dependentes das vítimas de hemodiálise da cidade de Caruaru (PE) também sobem para R$ 1.039.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here