Barreira sanitária já monitorou mais de 650 veículos no acesso à cidade

0
89
Barreiras sanitárias estão atuando nos principais acessos de Santo Ângelo. Rodrigo Bergsleithner/Prefeitura de Santo Ângelo

As barreiras com blitze sanitárias seguem em execução nas principais vias de acesso à cidade, dentro das operações de combate à Covid-19, foram 666 veículos abordados em bloqueio do tráfego nos locais de acesso à cidade. A medida está sendo executada pelo Comitê Temporário de Enfrentamento ao Coronavírus (CTECOV), que conta com o apoio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), 12ª Coordenadoria Regional de Saúde (CRS), Comissão de Vigilância Epidemiológica de Prevenção e Combate à Covid-19, Defesa Civil, Brigada Militar e 1º BCom.

Durante as barreiras sanitárias, as pessoas abordadas são submetidas à aferição da temperatura corporal, respondem questionários sobre a procedência da viagem, deixam seus contatos pessoais e respondem se tiveram contatos com pessoas infectadas ou suspeitas da Covid-19 para o possível monitoramento. Além disso, recebem orientações verbais, panfleto informativo e, caso necessitem, máscaras da SMS.

Durante a aferição, se o motorista ou passageiro apresentar temperatura corporal acima dos 38ºC o mesmo é encaminhado à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) para outras análises médicas.

Na última semana, a barreira foi montada na ERS-344, junto ao posto da Polícia Rodoviária Estadual e nas proximidades da Perimetral Norte, na Rua dos Imigrantes, na Avenida Ipiranga e em diferentes acessos à cidade pela ERS-344, nos lados norte e sul. “As barreiras sanitárias são realizadas por meio de um trabalho conjunto do Comitê Coronavírus, onde automóveis, motocicletas, caminhões e os passageiros dos ônibus passam pela aferição corporal. Também realizamos o mesmo procedimento, em algumas datas definidas pelo Comitê, na estação rodoviária de Santo Ângelo”, explica o secretário de Saúde, Luis Carlos Cavalheiro.

Na manhã deste sábado, as equipes responsáveis pelas barreiras sanitárias estiveram na Avenida Venâncio Aires, acompanhando os agricultores que comercializam a produção no Pavilhão da Agricultura Familiar, bem como consumidores que foram até o local.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here