Covid -19: 141 pessoas já deixaram o monitoramento em Santo Ângelo

0
146
Comissão de Vigilância e Prevenção ao novo Coronavírus trabalha de domingo a domingo, durante 24 horas, monitorando casos de quadro gripal no município

Desde que a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Santo Ângelo instalou a Comissão de Vigilância Epidemiológica de Prevenção e Combate ao Covid-19, em 20 de março, 391 pessoas já foram monitoradas no município por apresentarem quadros com sintomas gripais, conforme determina o Ministério da Saúde. Destas, 141 pessoas já deixaram o sistema de monitoramento até a manhã desta quarta-feira (22). Contudo, ainda são 250 pessoas em isolamento domiciliar em Santo Ângelo.

A comissão conta com a participação de 10 profissionais, sendo dois médicos e oito enfermeiros, sob a coordenação do secretário municipal de Saúde, Luis Carlos Cavalheiro, e trabalha de domingo a domingo, incluindo feriados, com o monitoramento 24 horas das pessoas que se encontram em isolamento domiciliar com quadro de sintoma gripal.

COMO FUNCIONA O MONITORAMENTO?

Todas as pessoas que buscam o atendimento médico nas unidades de saúde do município (ESF e UBS), na UPA, no Hospital Unimed e no Hospital Santo Ângelo apresentando alguns dos sintomas gripais passam a integrar o número de casos monitorados pela comissão de vigilância.

Segundo a enfermeira da SMS, Daniana Pompeo, integrante da Comissão, estas pessoas assinam um termo de responsabilidade, cientes que foram informados por um profissional de saúde e que os mesmos devem permanecer em isolamento social, junto aos seus familiares, pelo período de 14 dias. “Além do termo, estas pessoas assinam uma declaração informando o nome de todos os residentes no mesmo domicílio. Estes dois documentos ficam com a comissão, como forma de comprovar que as pessoas estão realmente cientes da situação. Os pacientes passam a ter o registro de seus casos em uma planilha de controle, com todos os dados pessoais e clínicos de cada um e, tanto eles quanto a equipe, faz o contato diário para avaliar cada caso, prevenindo uma possível evolução do quadro gripal ou não. No final do período de isolamento, as pessoas são contatadas, com o intuito de finalizar o caso e saber se algum integrante da família apresentou algum sintoma gripal ou não, e para avisá-lo que o mesmo saiu do isolamento”, explica.

ESTATÍSTICA DOS MONITORADOS

No período de 20 de março a 20 de abril, a Comissão já atendeu a 391 pessoas, sendo que 141 pessoas já deixaram o monitoramento testando negativo para o novo Coronavírus.

Neste período, 36% dos casos foram atendidos pelo Plantão Covid-19 da Secretaria Municipal de Saúde, 29% foram encaminhados pela UPA; 17% são oriundas de consultas realizadas nas ESFs e nas UBS; 13% foram encaminhadas pelo Hospital da Unimed e 5% pelo Hospital Santo Ângelo.

Entre os sintomas mais decorrentes apresentados estão: tosse (215 registros), febre (172), dor de garganta (161), cefaleia (143), mialgia (140), coriza (103), congestão nasal (62) e dispneia (62).

PLANTÃO

Para mais informações sobre o monitoramento de pessoas que apresentem síndromes gripais e como proceder nestes casos, a Comissão de Vigilância Epidemiológica de Prevenção e Combate ao Covid-19 pode ser contatada pelos telefones (55) 99714-4220 e 99709-9904.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here