Dia Mundial da Educação: Diretor Marcelo, da URI: “Evoluímos muito, e nada será como antes”

0
177

O Dia da Educação foi escolhido em 28 de abril quando terminava o Fórum Mundial de Educação realizado em Dakar, Senegal, no ano de 2000. Neste Fórum ficou estabelecido o compromisso dos países de levar a educação básica e secundária a todas as crianças e jovens do mundo.

A data foi instituída por líderes de 164 países – incluindo o Brasil – e simboliza o compromisso dessas nações com o desenvolvimento da educação até 2030, incentivando a construção de valores para uma sociedade justa e saudável.

A URI SANTO ÂNGELO

Com mais de 50 anos de história, a URI Santo Ângelo oferece ensino de qualidade para cerca de quatro mil estudantes nos níveis básico, de graduação, mestrado e doutorado, e entre os mais de 20 cursos de graduação, prepara especificamente para a docência em Pedagogia, Educação Física, Matemática e Ciências Biológicas.

Na opinião do Diretor Acadêmico da URI Santo Ângelo, doutor Marcelo Stracke, “o Dia Internacional da Educação, pode ser uma excelente oportunidade de reflexão para pais, alunos, educadores e sociedade. Em função da pandemia do COVID 19, o acesso à Educação de forma globalizada, sofreu profundas transformações.

“Diante desta situação as aulas presenciais foram proibidas por decretos possibilitando à URI tão somente migrar de forma imediata para as aulas no formato on-line em tempo real, por meio de diferentes plataformas, tais como ambiente de apoio ao ensino, Google MeetGoogle Classroom, dentre outros. Os professores ficam à disposição para orientações, procedimentos e esclarecimentos no horário e turno das aulas presenciais, pelos ambientes virtuais utilizados na Universidade com produção de conhecimento de forma colaborativa e dinâmica. Os alunos passaram a ter acesso gratuito a ferramentas do google for education que permitiram que a URI de Santo Ângelo não parasse nenhum dia de aula letivo”.

Para o diretor, “esta pandemia nos traz a reflexão de que precisamos de uma comunidade colaborativa e fortalecida como o melhor caminho para a resolução deste momento emergencial, e que isto seja cultivado como princípio de cidadania de forma continuada pela sociedade! Neste momento precisamos destacar que a força coletiva e a versatilidade de docentes, discentes e funcionários da URI é contagiante. Com toda a certeza podemos afirmar que evoluímos muito e nada será como antes. É possível refletir sobre quais foram as metas alcançadas até agora e o que ainda pode ser feito para buscar avanços.
“Temos a convicção de que as respostas não são simples, mas ajudam a delinear um caminho no qual a valorização da educação seja peça-chave da construção de uma sociedade humana e repleta de equidade e respeito aos direitos humanos. Finalizo com a frase do Pedagogo Paulo Freire: “Educação não transforma o mundo. Educação muda pessoas. Pessoas transformam o mundo”.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here