Balcão do Consumidor no CNEC/Iesa começa a funcionar na próxima segunda

0
97

Os diretores executivos do Procon RS, Juliana Teixeira Soares e Cristiano Rodrigues Aquino, falaram

Formar um cidadão consciente e harmonizar as relações de consumo. Essa é a proposta do Balcão do Consumidor que foi lançado na quarta-feira (28), no CNEC/Iesa. Os diretores executivos do Procon RS, Juliana Teixeira Soares e Cristiano Rodrigues Aquino, falaram com a imprensa, apresentando os principais pontos da parceria que foi fechada com o Iesa e os objetivo dessa ação.

Na oportunidade, Juliana falou que o Balcão do Consumidor tem sido implantado em vários municípios gaúcho onde não há uma unidade Procon. “Nossa ideia é ampliar o trabalho de mediação nas relações de consumo, buscando resolver problemas nas relações entre fornecedor e consumidor”, explicou. Disse ainda que “o Procon não tem capacidade para atender a todos. Por isso possibilitamos que convênios como este sejam firmados nos municípios, junto às faculdades. O Balcão do Consumidor não tem a função de polícia, como o Procon. Porém, sua função é tão louvável quanto a atuação da estatal”, completou.
Já Aquino disse que o principal papel do Procon é harmonizar as relações de consumo, protegendo a parte mais fraca desse processo, ou seja, o consumidor. “Nos últimos três anos tratados no Procon temas sensíveis como o super endividamento do consumidor. O Procon RS tem obtido 90% de resolução dos problemas das pessoas que procuram esse serviço”, conta.

PRESENÇAS
Estiveram presentes na solenidade o diretor do CNEC/Iesa Júlio César Lindemann, o presidente da Câmara de Vereadores Diomar Formenton, o promotor José Garibaldi Machado, o diretor do Procon Santo Ângelo Valter Portalete, o coordenador do Balcão do Comsumidor Gilberto Kerber e outros convidados. 

BALCÃO DO CONSUMIDOR

Para a implantação do Balcão do Consumidor estão sendo investidos R$ 200 mil. Metade do recurso é do Procon RS e a outra do CNEC/Iesa.
O responsável pelo Balcão do Consumidor em Santo Ângelo, Gilberto Kerber, que é coordenador do curso de Direito do Iesa, explica que o balcão terá dois eixos de atuação: atendimento da população com ações educativas nas escolas e o trabalho itinerante que atenderá municípios como Entre-Ijuís, São Miguel das Missões, Vitória das Missões e, posteriormente, Eugênio de Castro. “O convênio permitirá que alunos e professores do Iesa façam atendimento preliminar de todos os conflitos existentes nas relações de consumo”, explica.
Os professores José Lauri Bueno de Jesus e Salete Oro Boff fazem parte da equipe que organiza o Balcão do Consumidor em Santo Ângelo, que entrará em funcionamento na próxima segunda-feira (31).