Chapa “OAB Mais”, do candidato Solon, propõe mais inovação, dinamismo e modernidade

0
116

Além das propostas, foi anunciada vinda do candidato à presidência da OAB estadual, Ricardo Breier

Dando continuidade aos trabalhos de campanha conjunta com a Chapa OAB Mais RS, dos candidatos Ricardo Breier/Claudio Lamachia, o candidato a presidente Solon Lima de Quadros, acompanhado do Vice Paulo Roberto Cacenote e do candidato ao Conselho Estadual Luis Alberto Machado, visitou ontem o Jornal das Missões, divulgando material de campanha. O Conselheiro Luis Alberto enfatiza a união existente entre as Chapas OAB Mais em âmbito estadual e local, reafirmando o alinhamento entre o trabalho realizado em outras gestões do mesmo grupo. Solon Lima de Quadros por sua vez informa que cumprindo agenda programada, na próxima sexta-feira estará presente em Santo Ângelo, o candidato da chapa OAB Mais RS, Ricardo Breier, ocasião em que serão intensificados os trabalhos de campanha. As eleições para a nova diretoria da OAB Subseção de Santo Ângelo ocorrem no dia 17 de novembro.

PROPOSTA DA CHAPA
– Defesa intransigente das prerrogativas profissionais e conduta ética;
– Fazer cumprir as novas conquistas inseridas no novo CPC, em especial no que tange aos honorários;
– Retomar o projeto de integração dos advogados da Subsecção através de atividades sociais, culturais e recreativas;
– Promover cursos permanentes em tecnologia de informação com ênfase no processo eletrônico, gestão de escritório e atualização profissional;
– Tornar cada estação de trabalho da OAB apta ao manejo do Processo Eletrônico, inclusive acompanhados de funcionários capacitados para prestar corretas informações e solução de eventuais dúvidas e problemas;
– Valorização do jovem advogado através da criação de comissão permanente de apoio;
– Estabelecer pauta de debates na Subsecção, aberta a todos os advogados (as) para tratar de assuntos relevantes para a advocacia;
– Incorporar na comunidade a “marca” OAB como instituição atuante, inclusive em defesa dos direitos e garantias dos cidadãos, através da criação de canais diretos que lhes sejam acessíveis.