Conselho Municipal de Saúde ouve solicitações da comunidade

0
98

Assembleia debateu estrutura dos postos de saúde, situação da UPA e do setor de emergência do HSA

Na tarde da última terça-feira (26) foi realizada a assembleia ordinária mensal do Conselho Municipal de Saúde, no auditório do Centro de Cultura do município. Toda a comunidade santo-angelense foi convocada para participar e opinar sobre as maiores necessidades da área da saúde.

PAUTAS DA ASSEMBLEIA
Durante a assembleia foi feita a prestação de contas relativa ao Hospital Santo Ângelo, a apresentação do plano de trabalho na Nota Fiscal Gaúcha, a apresentação do relatório das atividades e dos incentivos repassados pelo Estado ao Hospital, o relatório e parecer sobre a aplicação de recursos da secretaria municipal de Saúde referente ao ano passado, dentre outras pautas.

PARTICIPAÇÃO DA COMUNIDADE
Conforme o presidente do Conselho Municipal de Saúde, Jerônimo Riechel, a população reclamou por melhores estruturas físicas dos postos de saúde. “Os engenheiros responsáveis não fiscalizam o recebimento das obras e acaba ficando por isso mesmo. Essa é uma das coisas que será cobrada do Executivo para que se resolva, pois não pode acontecer”, destacou.

URGÊNCIA E EMERGÊNCIA/UPA
Outro assunto levantado pela comunidade foi a situação da urgência e emergência do Hospital Santo Ângelo. “Existe a necessidade de mais um médico atendendo neste setor, tanto para melhor atender, quanto para que este médico não seja sobrecarregado. Sobre isso o HSA já foi informado, já que o diretor do Hospital esteve na assembleia”. A abertura da UPA foi outro tema discutido. “Há a necessidade de usufruir os equipamentos existentes lá dentro, que são modernos e que não estão disponíveis nem na atenção básica. A solicitação é de que a UPA seja aberta, seja como UPA ou como posto de saúde, mas que não fique mais fechada”, completou.

ENCONTROS OCORREM TODOS OS MESES
As assembleias do Conselho Municipal de Saúde acontecem na última terça-feira de todo mês e são abertas para toda a comunidade. Com início às 17h, elas acontecem no Centro de Cultura (auditório ou sala dos conselhos, dependendo do número de participantes).