Controle de tráfego do Aeroporto Regional é aprovado por inspeção federal

0
63
Técnicos militares apresentaram os resultados da inspeção na manhã desta sexta (20). Foto: Divulgação

Inspeção avaliou e aprovou a excelência dos serviços prestados em todos os procedimentos que envolvem o tráfego aéreo no Aeroporto local.

De segunda a sexta-feira desta semana, o sistema de controle de tráfego aéreo foi avaliado por oficias e graduados, especialistas das áreas de navegação aérea, que trabalham com as atualizações e elaborações dos protocolos de inspeção da Assessoria de Segurança Operacional do Controle do Espaço Aéreo (Asocea). São técnicos do Departamento de Controle do Espaço Aéreo (Decea), que analisam os procedimentos dos aeroportos por parte do provedor de serviços de navegação aérea acerca do uso da infraestrutura aeroportuária e aeronáutica. Asocea e Decea são órgãos ligados ao Ministério da Defesa.

O controlador de tráfego aéreo estipula procedimentos de subida e descida, presta serviço de informação de voo e fornece importantes informações meteorológicas.

De acordo com Paulo Dalla Porta, gestor de segurança operacional da Sala de Rádio do Aeroporto Regional Sepé Tiaraju, os resultados da avaliação da Estação Prestadora de Serviços de Telecomunicações e Tráfego Aéreo (EPTA) foram apresentados na manhã desta sexta-feira (20), quando foi informado que todo o sistema foi aprovado e reconhecido como de excelência. “Essa avaliação envolve os sistemas de rádio, de meteorologia, de iluminação a pista, enfim, de comunicação entre a aeronave e o aeroporto”, descreve.

Dalla Porta reforça que no País apenas uma ou duas vezes por ano uma estação é aprovado em 100% como ocorreu com o sistema local, porque a avaliação é muito detalhada, iniciando pela documentação e conferindo cada etapa dos procedimentos. A inspeção garante a segurança dos passageiros, tripulações, pessoal de solo e público em geral.

No caso de Santo Ângelo, a EPTA é privada e a certificação tem validade de quatro anos. Neste período, o sistema segue sendo monitorado pelos órgãos do Ministério da Defesa.

Voos de Passo Fundo

Dalla Porta acredita que a aprovação completa do sistema, sem nenhum apontamento para correção, será muito importante para a definição do Aeroporto de Santo Ângelo como sede dos voos que as empresas Gol e Azul operam no Aeroporto Lauro Kortz de Passo Fundo. O aeroporto passo-fundense está em obras e a pista será interditada em 11 de janeiro, para sediar os voos durante o período de interdição são cotados os aeroportos de Chapecó-SC e Santo Ângelo.

“Trinta dias antes da interdição da pista tem que estar definido o Aeroporto que sediará esse voos. Por isso gestionamos para que essa avaliação fosse agora, dando tempo para que as empresas tenham absoluta segurança em relação ao nosso aeroporto. Inclusive, já enviamos ofício ao secretário estadual dos Transportes (Juvir Costella), comunicando a aprovação total do nosso sistema”, confirma.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here