Curso de Medicina: para vice-reitor de câmpus da UFFS, região ainda precisa evoluir quanto a requisitos técnicos e articulação política

0
99

Para Antônio Andrioli, a região está no caminho

Foi realizada na manhã de segunda-feira (9), no Centro Municipal de Cultura, reunião que tratou sobre o processo de implantação de um curso federal de medicina na região. A audiência contou com a presença do vice-reitor do câmpus de Chapecó (SC) da Universidade Federal Fronteira Sul (UFFS), Antônio Andrioli, e do diretor do câmpus de Cerro Largo, Edemar Rotta.

De acordo com Andrioli, a região está no caminho, mas ainda é preciso evoluir, principalmente no que diz respeito aos requisitos técnicos e articulação política. “Poucas cidades desta macrorregião têm capacidade de criar as condições para sediar um curso de medicina. Santo Ângelo está criando essas condições e a implantação do curso dependerá, apenas, do tempo que a cidade levará para implantar todos os requisitos”, afirmou Andrioli.

Essa já é a quinta reunião realizada com reitores e diretores da universidade visando à implantação do curso de Medicina. O trabalho continua sendo realizado por comissões instituídas em Santo Ângelo e engloba lideranças, instituições e autoridades de toda a região.

Conforme o vereador Diomar Formenton (PT), presidente do Conselho Municipal de Desenvolvimento (Comude) e integrante do Grupo de Trabalho Pró-Curso de Medicina, o encontro serviu para a explanação dos trabalhos que vêm sendo realizados pela região no sentido de atender aos requisitos estabelecidos pelos ministérios da Saúde e da Educação. “O próximo passo, após os esclarecimentos obtidos durante a reunião, será a análise detalhada da área da saúde do município e região, no sentido de apresentar um diagnóstico, elencar prioridades e buscar atender a todas as condições preestabelecidas.”

PRESENÇAS
A mesa que conduziu os trabalhos foi composta pelo prefeito Valdir Andres; pelo presidente da Câmara, Nader Awad (PDT); pelo vereador Diomar Formenton; pela coordenadora regional de Educação, Tania Santiago; pelo presidente do Conselho Municipal de Saúde, Jerônimo Riechel; pelo diretor-geral do câmpus de Santo Ângelo do Instituto Federal Farroupilha, Cesar Kroetz; e pelo diretor-geral da URI, Gilberto Pacheco.

A reunião contou, ainda, com a presença de diversas autoridades locais e regionais. Os vereadores Jacques Barbosa (PDT), Gilberto Corazza (PT), Vinícius Makvitz (PMDB), Osvaldir Ribeiro de Souza (PMDB) e Paulo Azeredo (PMDB) também estiveram presentes.