Equipe multidisciplinar santo-angelense fará levantamento de prédios históricos da cidade

0
78

O prefeito Eduardo Loureiro nomeou nesta semana o grupo que deverá compor uma equipe multidisciplinar para realizar um inventário de bens culturais imóveis do município de Santo Ângelo. Entre os integrantes do grupo estão o arquiteto Paulo Roberto Tissot, a historiadora Débora Mutter e o fotógrafo Fernando Gomes.

“Há a necessidade de um estudo com critérios muito bem definidos para a identificação daqueles prédios que tem realmente algum valor como bem cultural. Nosso foco é o patrimônio histórico e arquitetônico, mas para isso cada prédio a ser identificado pelo grupo de trabalho deverá ter estes aspectos (históricos e arquitetônicos) muito bem apurados. Os prédios a serem enquadrados devem necessariamente fazer parte da história dos santo-angelenses e será feito por santo-angelenses”, disse o prefeito Eduardo durante a nomeação dos integrantes da equipe multidisciplinar.

Além das indicações de tombamento, o arquiteto e a historiadora irão apurar e indicar para esses bens as áreas de entorno e as diretrizes e orientações às intervenções nas áreas dos bens edificados de valor cultural, além de sugerir pareceres para os projetos relativos à preservação do patrimônio cultural da cidade. “Estamos iniciando um período de trabalho de avaliação, pesquisa e levantamento de aspectos relacionados aos prédios que podem se enquadrar como históricos e de valor arquitetônico para a cidade para posterior definição dos níveis de preservação de cada um”, comentou o arquiteto Paulo Tissot.