Estudantes de Santo Ângelo participam de mais uma edição do Enem neste final de semana

0
99

Prova com 45 questões objetivas e uma redação será aplicada neste sábado e domingo

Neste sábado e domingo, a partir das 13h, horário de Brasília, estudantes de todo o Brasil vão participar de mais uma edição do Exame Nacional do Ensino Médio – Enem. Desde a reformulação da prova, em 2009, o Enem é uma grande porta de entrada ao Ensino Superior no país. E, ano a ano, o número de inscritos vem aumentando. Em 2012, de acordo com os dados do Ministério da Educação e Cultura, realizador da prova, 5,7 milhões de pessoas vão realizar as provas.

SANTO ÂNGELO

Em Santo Ângelo, os estudantes de Ensino Médio já se preparam há algum tempo para o Enem. Roberto Nascimento de Oliveira e Sofia Japur Ifhaz, do 3º ano do Ensino Médio do Colégio Tiradentes, se preparam para o Exame há mais de três meses. Ambos, inclusive, já participaram de um simulado, promovido pelo jornal O Estadão, de São Paulo, onde atingiram boa pontuação. “Estou me preparando bastante. O Enem é a minha chance de entrar em um curso superior”, salienta Roberto.

Para Sofia, o Enem é um ótima oportunidade, principalmente aos alunos oriundos de escolas públicas. “Estou ciente disso e quero buscar uma bolsa de estudo. Ele abre várias portas, como o Sisu e o Pró-Uni. Já faz um ano que estou estudando, faço cursinho também. O que ajuda a gente, é que aqui na escola, os professores sabem da importância do Enem, e ajudam, principalmente na questão da interdisciplinaridade, que é cobrada na prova”, observa.

Os dois estudantes concordam que a redação, por ter um grande peso na nota final do Enem, preocupa. Porém, os dois vêm se preparando para superar esse desafio. “Nossa escola prioriza o ensino de redação. Desde o primeiro ano do Ensino Médio a gente já exercita a redação, aprendemos os padrões cobrados no Enem”, complementa Sofia.

Roberto tem mais facilidade nas áreas exatas, como a matemática, por isso, a redação lhe preocupa mais. “Estou lendo muito jornal e revistas, para saber o que está acontecendo no Brasil e no Mundo, pois a prova sempre é bem contextualizada”, finaliza Roberto.

COMO SERÁ A PROVA

O Enem é composto por quatro provas objetivas, com 45 questões cada, e uma redação.

No sábado serão aplicadas as provas de ciências humanas e suas tecnologias e ciências da natureza e suas tecnologias. No dia seguinte, os alunos farão provas de linguagens, códigos e suas tecnologias, matemática e suas tecnologias e a redação.

O exame avalia os conhecimentos dos estudantes que concluem o ensino médio e é usado como parte do processo seletivo de diversas instituições de ensino superior públicas e privadas. As universidades e faculdades podem tanto usar o Enem em substituição ao vestibular quanto considerar a nota no exame para concessão de bolsas do Programa Universidade para Todos (ProUni) e ingresso de candidatos pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu). Ao todo, são 95 instituições, incluindo 38 institutos federais que aceitam o Enem como forma de ingresso no Ensino Superior.

Saiba mais sobre a prova do Enem

– No primeiro dia de provas, os participantes terão quatro horas e meia para responder a todas as questões. No domingo, quando é realizada a redação, o tempo é estendido em uma hora. Com isso, os inscritos terão cinco horas e meia para realizar o exame.

– O MEC orienta o candidato a verificar o local de prova na página do Inep: http://sistemasenem2.inep.gov.br/localdeprova/home.seam.

– Cada participante deve ter em mãos caneta esferográfica de tinta preta, fabricada em material transparente. O uso de lápis, borracha e lapiseira não é permitido.
– Os cadernos são apresentados em cinco cores diferentes: azul, amarelo, branco, rosa e cinza. Antes de iniciar a prova, o candidato deve verificar se o caderno contém a quantidade de questões indicadas no cartão de respostas.

– A redação deve ser um texto dissertativo-argumentativo de, no máximo, 30 linhas. O participante deve desenvolver uma reflexão escrita sobre um tema que estará descrito na prova, de ordem política, social ou cultural.

– A nota da redação representa 50% do resultado total. O candidato ficará sem nota na redação em caso de: fuga ao tema: não atender à proposta solicitada ou desenvolver outra estrutura textual que não seja a do tipo dissertativo-argumentativo; folha em branco: entregar a folha de redação sem texto escrito; texto insuficiente: escrever apenas (até) sete linhas; cópia dos textos motivadores: não desenvolver argumentos próprios; usar termos chulos ou obscenos; preencher o espaço destinado à redação com desenhos; desrespeitar os direitos humanos.

– Os gabaritos das provas objetivas serão divulgados na página do Inep no dia 7 de novembro de 2012. Os participantes podem acessar os resultados individuais do Enem 2012 no dia 28 de dezembro de 2012, com o número de inscrição e senha ou CPF e senha.