Greve dos Caminhoneiros: ‘Governo deixou o caminhoneiro jogado às traças’, afirma manifestante

0
104

Durante toda a segunda-feira manifestantes realizaram uma mobilização em Entre-Ijuís

Iniciou ontem mais uma etapa da greve dos caminhoneiros. A categoria realizou protestos em vários trechos de rodovias do Rio Grande do Sul. Os profissionais autônomos dizem que são contra a corrupção, custo operacional do transporte, como o aumento recente do diesel e ao não cumprimento do reajuste da tabela de frete, uma das principais reivindicações da primeira mobilização, ocorrida em fevereiro.

NA REGIÃO
Em Entre-Ijuís, no entroncamento da BR-285 com a ERS-344, desde as primeiras horas desta segunda-feira, caminhoneiros realizaram um bloqueio parcial, convidando motoristas de veículos de carga a participar da paralisação. Carros e outros veículos tiveram a passagem livre no local.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Ijuí, durante a madrugada houve queima de pneus na BR-285, no trevo de acesso à Entre-Ijuís. Os manifestantes relataram desaprovar a atitude e desconhecer a autoria.

Segundo informações obtidas com o caminhoneiro autônomo Bruno Tagliar, um dos organizadores da paralisação ocorrida em Entre-Ijuís, a paralisação é por tempo indeterminado. “Não podemos deixar o Diesel subir mais. Não temos mais estradas para andar, o governo deixou o caminhoneiro jogado às traças. Queremos pressionar a presidente Dilma a rever os conceitos, se o preço do combustível seguir assim, não teremos condições de encher um tanque”, explica.

PRINCIPAIS PROTESTOS
Várias rodovias tiveram protestos e manifestações durante a segunda-feira. Confira os locais:

RS-344 com BR-285, em Entre-Ijuís –  Um grupo de 20 caminhoneiros estavam abordando caminhões sem carga perecível.

BR-386, km 245, em Soledade – Veículos de carga foram convidados a entrar no pátio de um posto de combustíveis.

BR-392, em Santa Maria – A exemplo do que aconteceu em outros pontos do estado, manifestantes impediram o tráfego de caminhões com carga não perecível no local.

RS-122, Km 68, entre Caxias do Sul e Farroupilha – Caminhões com carga não perecível foram obrigados a parar.

RS-287, Km 104, Santa Cruz do Sul – Caminhões com carga não perecível foram obrigados a parar.

BR-285, km 337, em Carazinho – Manifestantes convidaram caminhoneiros a aderir ao movimento. PRF retirou pneus que bloqueavam parte da rodovia.

REGISTROS NODOMINGO
BR-285, km 344, em Ijuí – Manifestação ocorrida na rodovia para chamar a atenção de lideranças e governo.