Mais de 900 meninas já foram vacinadas contra o HPV em Santo Ângelo

0
98

Meninas de 11 a 13 anos começaram a ser imunizadas no dia 10 de março contra o papiloma vírus humano (HPV), principal causador do câncer de colo de útero. Em Santo Ângelo a vacinação começou no dia 14 de março e já imunizou 934 meninas, de um total de 1.848 aptas a receber a vacina.

No interior a imunização começa na sexta-feira (4) nas comunidades Nossa Senhora dos Navegantes, Três Sinos, Barra do São João, Pedro Krinski, Sagrada Família, Lajeado do Cerne, Nossa Senhora Aparecida e Distrito União. Nesta semana começa também nas escolas Esther Schroder, Pedro II, Odão Felippe Pippi, Ulisses Rodrigues e Getúlio Vargas.

O cronograma de vacinação é desenvolvido pela Secretaria Municipal de Saúde e segundo a enfermeira responsável pela Vigilância Epidemiológica e Vacina, Juliane da Rosa, a adesão ao termo de recusa está baixo. “Temos uma média de um termo de recusa assinado por escola. Acho que esta semana conseguiremos atingir a meta estipulada pelo Governo Federal, que é de vacinar 80% do público alvo”, afirma Juliane.

A vacinação

A vacina distribuída na rede pública previne contra quatro subtipos do HPV (6, 11, 16 e 18). Os subtipos 16 e 18 são responsáveis por cerca de 70% dos casos de câncer de colo do útero em todo o mundo. Para se imunizar é preciso apresentar o cartão de vacinação ou um documento de identificação. Cada adolescente deverá tomar três doses para completar o esquema de proteção, sendo a segunda aplicada depois de seis meses, e a última, cinco anos após a primeira.

A campanha de vacinação encerra no dia 10 de abril.