Movimento dos Atingidos por Barragens realizará caminhada no dia 14 em Porto Xavier

0
105

O ato será na praça do município e reunirá entidades, pastorais e movimentos sociais

No dia 14 de março, o Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB) vai realizar uma jornada para marcar o “Dia Internacional de Luta contra as Barragens, pelos rios, pela Água e pela Vida”. O ato será às 10 horas na praça em Porto Xavier. Na oportunidade, o movimento fará uma caminhada pelas principais ruas da cidade.

Uma nota de convocação foi enviada à imprensa, assinada pelos representantes da Diocese de Santo Ângelo, Milton César Gerhardt, da Igreja Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil, Renato Kintzer, e do Movimento dos Atingidos por Barragens, Neudicléia de Oliveira. No documento é feita uma convocação a entidades,
organizações, pastorais, redes, ativistas e movimentos sociais para participarem do ato.

De acordo com os organizadores, a medida busca chamar a atenção em relação à forma como os recursos naturais estariam sendo apropriados, no sistema capitalista, para a produção de energia elétrica, através da construção de hidrelétricas, geração, transmissão e distribuição – tendo apenas como foco a lucratividade – principalmente pelas corporações internacionais.

MODELO ENERGÉTICO

Na nota é questionado o modelo atual energético instalado no Brasil que estaria excluindo grande parte da população neste processo pela falta de informações mais precisas sobre o andamento dos projetos de barragens, assim como questionam as parcerias público-privadas. Os organizadores lembram que o movimento e as igrejas conseguiram um compromisso verbal da Eletrobrás, durante reunião com o Governo do Estado, no sentido de planejar e organizar reuniões com os municípios e as comunidades. No entanto, segundo o movimento o acordo não foi cumprido, pois as reuniões estão sendo realizadas pelos governos sem a participação do movimento, apenas como uma forma de propaganda.