Neste domingo tem celebração festiva do Jubileu de Ouro da Diocese

0
80

Programação, que começa às 13h30min, será em frente à Catedral Angelopolitana

A Diocese de Santo Ângelo, que completou 50 anos de instalação na última terça-feira (12), faz sua celebração festiva do Jubileu de Ouro neste domingo (17). A programação será realizada à tarde, em frente à Catedral Angelopolitana (veja programação no box).

O bispo diocesano Dom José Clemente Weber, que está há oito anos à frente da diocese, destaca que esta é uma das maiores do Rio Grande do Sul em população. A diocese abrange 47 municípios, com população estimada em 465 mil habitantes. São 40 paróquias constituídas e cerca de 1.000 comunidades organizadas.

“O interior dos municípios se organizou muito desde a criação da Diocese, formando muitas comunidades. Mais recentemente se criaram muitas comunidades em bairros da cidade”, destaca o bispo. No início, Santo Ângelo pertencia à Diocese de Santa Maria. Depois, foi anexada a Uruguaiana, até a criação da Diocese de Santo Ângelo, em 1962. O primeiro bispo foi Dom Aloísio Lorscheider.

O padroeiro da diocese é o Anjo da Guarda. “É um padroeiro que nós amamos muito e confiamos na sua proteção. Os co-padroeiros são os santos missioneiros Roque, Afonso e João”, acrescenta Dom Clemente.

Já o padre Carlos Griebler ressalta que o Ano Jubilar foi iniciado na última Romaria do Caaró, em 2011, e vai até novembro deste ano, na próxima romaria. “Haverá muitos eventos ainda dentro da diocese, junto às paróquias, para marcar a celebração do Ano Jubilar”, destaca Carlos, ao lembrar que os eventos são coordenador por uma comissão do Jubileu de Ouro.

PROGRAMAÇÃO DE DOMINGO

A celebração festiva do cinquentenário da Diocese Angelopolitana será neste domingo (17), em frente à Catedral.

A programação inicia às 13h30min, com recepção e acolhida; 14h30min, com missa festiva; 16h, apresentações artísticas locais; e 17h, participação especial do cantor Antônio Cardoso. O convite feito pela Diocese anuncia ainda que uma das atrações será a execução em conjunto dos cantos da missa por 270 cantores, provenientes das paróquias.

A expectativa é reunir cerca de 8 mil pessoas, de Santo Ângelo e dos outros 46 municípios da região de abrangência da Diocese.