Obra na pista do aeroporto recebe última camada asfáltica

0
106

Segundo engenheiro da empresa Cotrel, pista deve estar concluída em março

 A nova pista do Aeroporto Regional de Santo Ângelo está tomando forma, com a colocação da capa asfáltica, última camada de reforço pavimento para que o local possa receber aeronaves de maior porte, como o turboélice de até 70 lugares que a empresa Azul vai utilizar na linha entre a capital das Missões e Porto Alegre, assim que a reforma e ampliação estiverem concluídas.
Na manhã desta sexta-feira, o deputado estadual Eduardo Loureiro vistoriou a obra, juntamente com o presidente da Câmara Municipal, Gilberto Corazza, do secretário de Indústria e Comércio de Santo Ângelo, Leonesildo Bertê, e dos vereadores Everaldo Oliveira e José Martins. A comitiva constatou que os trabalhos de correção das imperfeições na pista já foram realizados, assim como a colocação dos postes que darão sustentação à nova tela que vai cercar o aeroporto. A área de escape, na cabeceira da pista, está em fase final de terraplanagem, mas a etapa de melhorias no terminal de passageiros precisa avançar, pois o espaço atual não é adequado.

Para tanto, o deputado Loureiro reuniu-se nesta semana com o secretário estadual de Transportes, Pedro Westphalen, buscando informações. O projeto técnico da obra está sendo finalizado e nos próximos dias o governo do Estado vai publicar o edital para licitar a obra, que não deve demorar para ficar pronta, pois será feita em estrutura pré-moldada, servindo como um anexo ao atual terminal, mas capaz de receber os usuários com comodidade e segurança. A ampliação do terminal de passageiros está previsto para ficar pronto ainda no primeiro semestre.

Já a pista, segundo o engenheiro Gustavo Senger, da empresa responsável pelos trabalhos, a Cotrel, está prevista para ser finalizada em março e vai custar R$ 5,3 milhões. “Estamos num ritmo muito bom. Precisamos de 15 a 20 dias de trabalho efetivo, sem chuva, para concluir os serviços”, informou Senger. Após o feriado de Carnaval, a empresa pretende aumentar o número de caminhões que buscam a massa asfáltica na usina localizada em São Luiz Gonzaga. Na visita desta sexta-feira, a comitiva elogiou o andamento da obra. “Estamos satisfeitos com o ritmo atual, é uma obra estratégica e fundamental para o desenvolvimento e a integração regional”, destacou o deputado.