Participação Popular e Cidadã define valores para cada demanda eleita

0
88

Anúncio foi feito pelo coordenador do Corede Missões, Maurílio Tiecker, na quarta-feira (21)

Na semana passada, o Corede Missões fez a divulgação dos números finais da votação da Participação Popular e Cidadã, que foi realizada nos dias 6 e 7 de agosto, com a participação de 45.079 eleitores. Na oportunidade foram definidas as prioridades de investimentos do Estado na região nas seguintes áreas:

“Fortalecimento da Infraestrutura SUS/RS Unidade Básica de Saúde”, “Equipamentos e Mobiliários Básicos e da Qualificação dos Espaços Escolares Cres e Seduc”; “Aparelhamento dos Órgãos de Segurança Pública”, “Fortalecimento da Infraestrutura SUS/Hospitais”, “Apoio ao Desenvolvimento do Leite Gaúcho e Agropecuária Familiar”, “Desenvolvimento Rural Agroindústria Familiar Sabor Gaúcho”, “Educação Superior (Uergs)”, “Cidadania, Justiça, Direitos Humanos e Políticas para as Mulheres, Prevenção e Combate às Drogas”.

Durante o processo da Participação Popular e Cidadã, a população também definiu as prioridades regionais. Em 1º lugar ficou “Saúde, Fortalecimento dos Hospitais Regionais” com 37.672 votos. Em 2º lugar, foi escolhido “Infraestrutura e Logística, Manutenção de Rodovias Estaduais e Acessos Municipais”, com 18.194 votos.

Outra novidade da Participação Popular e Cidadã foi o plebiscito sobre a “Reforma Política” no Brasil. De 28.592 votos de eleitores, 27.189 decidiram pelo sim, enquanto 1.403 optaram pelo não.

DISTRIBUIÇÃO DOS RECURSOS

O Estado prevê R$ 4,46 milhões de investimentos nas Missões. A tabela nesta reportagem traz mais detalhes dos recursos que serão distribuídos em diferentes áreas.