Preservação ambiental também em 2012

0
84

LEO Clube Santo Ângelo Centro renova termo de responsabilidade com área de preservação ambiental

 Pelo menos mais um ano de cuidados. O LEO Clube Santo Ângelo Centro renovou esta semana o termo de adoção da Área de Preservação Permanente-APP que mantém desde 2010.

No Departamento Municipal de Meio Ambiente de Santo Ângelo, representantes do LEO Clube e do Lions Clube Santo Ângelo Centro assinaram o termo de responsabilidade com a área. A parceria com o DEMAM começou há dois anos quando o LEO Clube deu início ao projeto "Árvore para todos", para fins de preservação ambiental.

O Presidente do LEO Clube Santo Ângelo Centro, Péricles Nunes, explica que "a renovação representa o comprometimento da entidade com a preservação ambiental, que é um dos propósitos do movimento LEOístico no mundo inteiro".

– Queremos ser exemplo para que outras pessoas, entidades e instituições desenvolvam ações com esta conduta. Acreditamos que se cada um fizer uma pequena parte, conquistaremos um mundo melhor no todo _ comenta Carla Dóro de Oliveira, coordenadora de Meio Ambiente do LEO Clube.
A área fica ao lado do Estádio Municipal Carlos Wilson Schröder, às margens do arroio Itaquarinchim, na zona norte da cidade. No terreno de aproximadamente 12 mil m², já foram plantadas 800 mudas de árvores nativas.

PRÓXIMAS AÇÕES

A oportunidade também marcou o início das atividades de 2012 do projeto "Árvore para todos". Neste ano o grupo irá realizar palestras de conscientização ambiental e instalar lixeiras seletivas em escolas municipais de Santo Ângelo, em parceria com o DEMAM. Na APP, o LEO Clube pretende seguir com o plantio de mais mudas de árvores nativas e trabalhar na manutenção do local.

O trabalho é coordenado pelos companheiros LEO Carla Dóro de Oliveira e André Bertaso.

As ações contam com o apoio e parceria do Lions Clube Santo Ângelo Centro e do Departamento Municipal de Meio Ambiente de Santo Ângelo. Qualquer entidade pública/privada ou instituição pode também engajar-se no trabalho entrando em contato com o coordenador técnico do projeto André Bertaso, pelo telefone (55) 9987 5956.