Produtividade do trigo é de 55 sacas por hectare

0
97

Expectativa foi superada Em reunião da Comissão Municipal de Estatísticas Agropecuárias (Comea), na manhã de terça-feira (22), foi divulgado que a expectativa de colheita do trigo foi ultrapassada. O encontro aconteceu no Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) de Santo Ângelo. O milho e a soja também foram pauta da ocasião
A área de trigo plantada foi de 11 mil hectares (Ha), dando o resultado de 3.300 Kg/Ha. A expectativa inicial, divulgada na última reunião da Comea, era de 50 sacas/Ha, porém houve um aumento de 10%, onde foram colhidas 55 sacas/Ha.
Houve a queda de granizo durante o mês de outubro em algumas regiões de Santo Ângelo, mas não houve alteração na média municipal. A superação da expectativa, conforme o engenheiro agrônomo da Emater de Santo Ângelo, Álvaro Rodrigues, já era esperada, pois em algumas propriedades foram colhidas cerca de 70 sacas/Ha.
O chefe da agência do IBGE de Santo Ângelo, Milton Boelke, declarou que a produção aumentou por conta do clima, que favoreceu para que fosse feita uma boa safra. 
 
MILHO
A área total do milho convencional, irrigado e de selagem é de 5300 Ha, sendo 24% a mais que o ano passado.
O milho convencional continua com a média de expectativa divulgada na última reunião da Comissão, a qual era de 2900 Ha e estimativa de produtividade de 6 mil Kg/Ha, representando 100 sacas. 
Conforme Álvaro, o milho já se encontra em desenvolvimento vegetativo e uma pequena parte está em início de florescimento. 
O milho irrigado está estimado em 1300 Ha, tendo um rendimento médio de 11 mil Kg/Ha. O milho para silagem tem aproximadamente mil Ha de plantio, com estimativa de 35 mil Kg/Ha e o irrigado desta mesma espécie, está com 100 Ha plantados, e estimativa de 60 mil Kg/Ha
 
SOJA 
Cerca de 80% da soja já foi plantada em Santo Ângelo, totalizando em 38500 Ha. A soja convencional tem área total de 37500 Ha e rendimento médio estimado de 3 mil Kg/Ha. 
Já a soja irrigada, tem área de mil Ha, e estimativa de 2400 Kg/Ha. De acordo com Milton, isso acontece por ser plantada após a colheita da oleaginosa de lavouras no ciclo precoce, que ainda está na fase 1, ou seja, na intenção de plantio.