“Saúde da Família” chega à área rural de Santo Ângelo

0
112

Comunidades de Buriti e redondezas começam a receber serviços que facilitam acesso à saúde

As comunidades da zona rural de Santo Ângelo passarão a contar com as ações e o modelo de atendimento da Estratégia Saúde da Família (ESF). São equipes formadas por profissionais de várias áreas, que farão o acompanhamento sistemático nas comunidades rurais. “É um grade avanço para a saúde do município, que facilita o acesso das comunidades do interior à saúde”, afirmou o prefeito Eduardo Loureiro.

Conforme a secretaria interina de Saúde, Andréia Bernardi, a inserção de equipes de Saúde da Família na área rural vai contribuir, inclusive, para a formulação das políticas de atendimento às populações que vivem no interior. “Pelas próprias características de atuação da ESF, essas equipes terão condições de fazer um mapeamento das comunidades, do perfil epidemiológico de cada uma delas, facilitando a definição de ações destinadas a solucionar os problemas de saúde mais frequentes”, observa.

O Concurso Público da Prefeitura de Santo Ângelo selecionará médico, enfermeiro, técnico em enfermagem, seis agentes comunitários de saúde, além de outros profissionais que poderão ser incorporados nas Unidades de Saúde da Família, de acordo com as necessidades e possibilidades locais.

Na fase de implantação, atualmente estão atuando no local um enfermeiro, um técnico em enfermagem e serviços odontológicos em diferentes dias da semana, além do deslocamento até o local da Unidade Móvel da Saúde para oferecer consultas à população. Na unidade, também são oferecidos medicamentos mediante receita médica.

REESTRUTURAÇÃO

O fortalecimento da Saúde da Família é uma das prioridades da área da saúde em Santo Ângelo. Na semana passada, o prefeito Eduardo entregou a primeira Unidade Básica de Saúde da Família (UBSF), construída no Bairro Nova. Ela beneficiará as comunidades de Buriti, Ressaca da Buriti, Colônia Municipal, Três Sinos e Distrito União, Linha Alegre , Sabiá , Segatto e Caimento, Atafona, Ressaca da Atafona e Linha Dornelles, explicou o Prefeito.

Com estrutura ampliada, as UBSs da Família irão oferecer mais serviços à população, garantir espaço adequado para o trabalho das equipes que atuam na Estratégia e, principalmente, atender os usuários em condições mais dignas.

A estrutura física da Unidade de Saúde Buriti (Sede do ESF Rural) é composto por um consultório médico, um consultório de enfermagem, recepção, dois banheiro além de sala de recepção e duas salas para uso futuro.

Conforme o médico Luis Furtado Fabrício, o ESF “é o melhor serviço público que a Prefeitura presta. As pessoas chegam aqui e as vezes pedem ajuda não só para problemas de saúde e a gente acaba auxiliando estas pessoas no que se pode ajudar. O programa lembra muito otrabalho dos antigos médicos de família”, disse.