Serviços de energia elétrica, saúde e telefonia são campeões de reclamações

0
132

De acordo com o Procon de Santo Ângelo, 3.397 atendimentos foram registrados em 2015

O setor de serviços essenciais foi o campeão de reclamações em 2015 nos atendimentos registrados pelo Procon de Santo Ângelo. Foram 1 723 queixas neste setor, que considera reclamações em serviços de energia elétrica, saúde e telefonia por exemplo, o que representa 50,72% do total de 3 397 atendimentos registrados no ano passado. De acordo com o diretor do Procon Santo Ângelo, Valter Portalete, o setor apresentou um acréscimo considerável em comparação com o ano de 2014, no qual estes serviços representaram 41,45% das reclamações. Neste setor, Portalete destaca as reclamações no serviço das operadoras de telefonia, como cobrança indevida, serviços não autorizados, etc.

Mais atendimentos
Portalete ressalta, com dados do Sistema Nacional de Informações de Defesa do Consumidor (Sindec), que houve um acréscimo de 23,5% no atendimento geral em comparação ao ano de 2014, que teve 2 753 atendimentos registrados. Neste eixo, o diretor do Procon destaca a área dos produtos, no qual as reclamações passaram de 19,61% em 2014 para 16,75% em 2015.
O ranking de reclamações de 2015 do Procon Santo Ângelo segue com o setor de assuntos financeiros, que teve 17,75% do total de queixas, com 603 atendimentos. O setor de produtos aparece em terceiro, com 16,75%, seguido pelos serviços privados, com 13,36%. Saúde, alimentos e habitação, somam 0,82%, 0,35% e 0,24% respectivamente.

Atendimento
O Procon Santo Ângelo atende das 9hs às 16hs, sem fechar ao meio-dia. O telefone para contato é 3313-1060. Nos municípios que não possuem Procon, os consumidores podem encaminhar suas reclamações para o Procon Estadual, através do telefone (51) 3287-6223.