Suplente José Martins assume vaga de Marcos Mattos na Câmara de Vereadores

0
87

Edis aprovaram lei e apresentaram requerimentos na sessão de segunda-feira

O suplente de vereador José Martins, do Partido dos Trabalhadores (PT), assumiu a vaga de Marcos Mattos (PR) na Câmara Municipal de Santo Ângelo, na sessão realizada na última segunda-feira (14). Mattos deixou aberta a vaga ao assumir a titularidade da Secretaria Municipal de Turismo e Esportes. 

PEDIDOS DE MELHORIAS

Um público expressivo esteve presente no plenário da Câmara. Os vereadores Everaldo Oliveira, Pedro Waszkiewicz (Pedrão) e Nader Hassan protocolaram pedidos para melhorias nos bairros. Eles também destacaram o empenho da diretoria do Santo Ângelo em formar time para disputar a Segundona Gaúcha ainda este ano, bem como parabenizaram a iniciativa de realizar promoções para atrair novos sócios. No final de semana, a diretoria do Santo Ângelo jogou uma partida com a equipe da Câmara de Vereadores, formada por edis, assessores e funcionários.
 
LEI APROVADA
 
Foi votado e aprovado por unanimidade pelo Poder Legislativo o projeto de lei que autoriza o repasse de incentivo financeiro adicional pelo Fundo Estadual de Saúde para os agentes comunitários de saúde. O referido projeto busca atender determinações da Política Nacional de Atenção Básica. O valor perfaz o montante de R$ 47.034,00, que será repassado ao quadro de empregados públicos celetistas da função de agentes comunitários.
 
REQUERIMENTOS
 
Da bancado do PT, composta pelos vereadores Gilberto Corazza, Diomar Formenton e José Martins, foi protocolado manifesto ao chefe do Executivo, secretarias municipais, bem como ao Ministério Público Federal, para que sejam atendidas imediatamente as demandas do grupo de famílias indígenas Caingangues que estão acampados próximo ao bairro Neri Cavalheiro. Eles pediram que seja feito um cadastramento geral, pois os indígenas necessitam de cestas básicas, estrutura de armazenagem de lixo produzido no local e enfrentam problemas de iluminação, banheiros, entre outros. 
 
Outro requerimento solicitado pela bancada do PT requer que o governo municipal avalie e tome a decisão imediata de reativar e colocar em funcionamento regular o projeto da Cozinha Comunitária, que funcionou no Bairro Sepé Tiarajú, atendendo famílias e projetos sociais. Nesse sentido, ocuparam o espaço destinado às entidades representantes dos funcionários da Cozinha Comunitária, as quais fizeram sua explanação ratificando a importância do reativação do projeto.