URI aprova projeto do Ministério da Saúde

0
89

 Os cursos de Enfermagem, Educação Física, Farmácia e Psicologia da URI – campus de Santo Ângelo em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde e da 12ª Coordenadoria Regional de Saúde, receberam, na última semana, a aprovação do projeto para a participação no Programa de Educação pelo Trabalho para a Saúde – Vigilância em Saúde (PET/VS). O projeto é coordenado pela Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde (SGTES), do Ministério da Saúde.

O PET Saúde tem como objetivo a educação pelo trabalho, caracterizando-se como instrumento para qualificação em serviço dos profissionais da saúde, bem como de iniciação ao trabalho, dirigidos aos estudantes dos cursos de Graduação e de Pós-Graduação na área da saúde, de acordo com as necessidades do SUS, tendo a perspectiva de inserção das necessidades dos serviços como fonte de produção de conhecimento e pesquisa nas instituições de ensino.

Segundo o professor Tiago Bittencourt, as áreas apontadas como prioridade pelos elaboradores do projeto foram o controle e monitoramento das doenças crônicas não transmissíveis (DCNT) e a educação em saúde dos agentes comunitários de saúde. “O projeto consiste na inserção de alunos no serviço público de saúde com a intenção de um aprimoramento no processo de ensino-pesquisa e aprendizagem no objetivo geral de qualificar o serviço de saúde”, explica o professor.

No total, serão 16 bolsas para os acadêmicos, divididos nos cursos de Enfermagem, Educação Física, Farmácia e Psicologia. Os acadêmicos serão orientados pelos professores chamados como tutores e, também, terão a supervisão local dos profissionais do serviço, chamados de preceptores (Enfermeiros, Farmacêuticos e Psicólogos) da 12ª Coordenadoria Regional de Saúde e da Secretaria Municipal de Saúde.

Estão envolvidos como tutores acadêmicos e os professores Tiago Bittencourt de Oliveira e Cristiane Kratz (Farmácia), Zaléia Prado de Brum (Enfermagem) e Carlos Kemper (Educação Física). O processo de seleção dos bolsistas será realizado no final de abril e início de maio. As atividades devem começar no maio.