André Marques: “Fica claro que nos tornamos uma ferramenta de mudança”

0
107

Vereador tem como foco a saúde, o social, a educação, a habitação e a geração de emprego

André Marques, vereador eleito pelo PDT para assumir o seu segundo mandato, com 1.473 votos, fala sobre suas metas e propostas diante da Câmara de Vereadores de Santo Ângelo.

JM – Porque decidiu concorrer novamente a vereador?

ANDRÉ – Quando atuei na Secretaria de Saúde do município, tive a felicidade de ter um contato diário e intenso com uma parcela muito grande da sociedade, percebi então que muitas questões que chegavam até nós na secretaria, que poderiam ser evitadas e que poderíamos trabalhar para que isso se realizasse, falo isso e cito claros exemplos: criamos e aprovamos a lei que prevê a entrega de medicamentos na casa das pessoas, que comprovadamente não podem ir retirar na farmácia do município; criamos a lei de Combate e Prevenção ao Uso de Drogas, que hoje é trabalhada nas escolas da rede pública municipal de educação; trabalhamos intensamente na conquista da Unidade de Pronto Atendimento (UPA), que eu destaco como uma conquista histórica para Santo Ângelo.

Posso falar ainda em muitas outras coisas, conquistas, projetos e leis que avançamos e que conseguimos ajudar a melhorar a vida, a qualidade do viver de nossos irmãos. Considero ainda muito importante a implantação do Programa da Família Acolhedora, que tivemos a felicidade de dar início a este processo quando atuamos como Secretário de Assistência Social, no atual governo do prefeito Eduardo Loureiro. Então por todas estas conquistas e ações, e muitas outras que aqui poderia citar, fica claro que nos tornamos uma ferramenta de mudança. As pessoas muitas vezes nos enxergam como alguém que pode mudar a condição em que elas vivem, e isso é verdade. Claro que quem decide onde aplicar os recursos e verbas é o prefeito, mas cabe a nós vereadores auxiliá-lo neste trabalho, buscando recursos, sugerindo soluções, e mesmo criticando, mas sempre trabalhando em parceria e com lealdade com as nossas posições, e isso foi-nos facilitado, pela capacidade de entendimento do prefeito Eduardo, que sempre nos ouviu e foi nosso companheiro de trabalho. Por tudo isso colocamos novamente o nosso nome à disposição da comunidade, e o nosso trabalho em julgamento. Fomos aprovados nas urnas, onde ali se consagra a vontade soberana do povo, e isso nos renova as forças e a responsabilidade de continuar o nosso trabalho.

 

JM – Qual foi a sua base eleitoral? Onde se concentrou para buscar votos durante a campanha?

ANDRÉ – Nós não temos um bairro, distrito ou uma região específica da cidade, procuramos atuar num todo, buscando trabalhar em todas as áreas da cidade e inclusive do interior. O nosso mapa de votação mostra isso, pois recebemos votos em todas as sessões eleitorais da cidade.

 

JM – Que ações pretende desenvolver em seu mandato?

ANDRÉ – Estamos trabalhando para que possamos ampliar a atuação de alguns programas e projetos das secretarias do município, e criando outros principalmente nas áreas da saúde, social, educação, habitação e geração de emprego e renda. Temos que pensar no futuro das pessoas, em formar cidadãos com uma base bem estruturada, com saúde, com educação, com saneamento básico, que isso, na minha opinião, é ter dignidade, e assim buscar o seu espaço na sociedade, poder trabalhar e viver aqui na nossa terra.

 

JM – Que postura adotará diante da administração do futuro prefeito Valdir Andres?

ANDRÉ – Respeito, responsabilidade, cooperação e bom senso, não vejo outra forma de atuar, não existe mais esta “coisa” de achar que porque o prefeito não é do meu partido, eu tenho que ser inimigo, eu tenho que ser contrário. Não vejo desta forma, o prefeito Andres foi eleito pelo povo da minha cidade, este mesmo povo nos reconduziu à Câmara de Vereadores, e eu penso que é isso que nossos eleitores esperam dos seus representantes, respeito e responsabilidade. Estaremos prontos a cooperar com a nossa cidade, independente de quem for o prefeito ou o vereador. Nossa vontade e nossa missão é buscar sempre o melhor para a nossa gente e nossa cidade.

 

CURRÍCULO DO VEREADOR ANDRÉ

Desde muito cedo, André Marques assumiu responsabilidades, foi menor estagiário do Banco do Brasil, no extinto CESEC, aos 13 anos. Lá ficou até os 18 anos, depois foi contratado pelo banco e trabalhou até os 20 anos. Logo após se transferiu para Santa Maria onde permaneceu por alguns anos, trabalhando na iniciativa privada, Câmara de Vereadores e na Prefeitura. Retornou a Santo Ângelo por convite de Adroaldo Loureiro na assessoria do então deputado. Foi secretário adjunto de Saúde em Santo Ângelo no ano de 2005. No ano de 2008 pela primeira vez concorreu a vereador e foi eleito com 2.699 votos, sendo o vereador mais votado na história de Santo Ângelo.