DPCA identifica mãe que abandonou feto em lixeira na Rua Antunes Ribas

0
85

Mulher tem 30 anos e se apresentou à delegacia, na segunda, acompanhada de seu advogado

Depois de quase uma semana de investigação, a equipe de agentes da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA) e Posto Policial da Mulher conseguiu identificar a mãe que abandonou um feto de oito meses dentro de uma sacola plástica de um supermercado, em uma lixeira, na rua Antunes Ribas, na tarde do dia 26 de junho de 2012.

Conforme a titular da DPCA, delegada Elaine da Silva, a mulher se apresentou à delegacia na segunda-feira (2), acompanhada de seu advogado, depois de ser intimada a prestar depoimento. “É uma mulher de 30 anos, moradora na área central, que embora tenha comparecido à delegacia preferiu não me manifestar sob a alegação de estar abalada psicologicamente”, disse.

Para chegar à acusada, a polícia contou com as images fornecidas por um supermercado, local onde a avó da criança teria efetuado compras dias atrás. “O bebê foi colocado em uma sacola deste supermercado. Junto com ele, encontramos um ticket com as compras que haviam sido feitas. A investigação apurou que as compras foram feitas pela mãe da acusada, que também foi ouvida. Os familiares informaram que não sabiam da gravidez”, acrescenta a delegada.

Elaine frisa que o exame de necropsia apontou que a criança nasceu, respirou, mas não apresentava sinais de violência.
A mãe do bebê foi encaminhada para atendimento e avaliação psicológica. O caso segue em investigação aguardando remessa de exames complementares referente a materiais encaminhados ao Instituto Geral de Perícias de Porto Alegre para apurar se ocorreu eventual prática de aborto.