Morre segunda vítima de acidente causado por sequestrador na freeway

0
115

Fernanda Hespanhol tinha 32 anos. Seu marido, que conduzia o Corsa atingido, está hospitalizado

A jornalista Fernanda Hespanhol, 32 anos, que estava internada em estado gravíssimo, morreu na manhã de hoje (22) no Hospital Cristo Redentor, em Porto Alegre. Ela era esposa do radialista José Daniel Borges da Silveira, 36, natural de Caibaté e que trabalhou na Rádio Caibaté – hoje, trabalha em uma rádio de Novo Hamburgo.

Na manhã de segunda-feira (20), o casal tripulava o Corsa que foi atingido na freeway, por volta das 6h, em Glorinha, na região Metropolitana de Porto Alegre, por um Xsara Picasso roubado e conduzido por Herito da Costa Lima, 37 anos, foragido do sistema prisional. No km 52 da BR-290, Herito cruzou um canteiro e invadiu a pista contrária, causando a colisão com o Corsa.

Fernanda estava grávida de quatro meses e, em função dos ferimentos causados pelo acidente, havia quebrado a coluna e perdido o bebê. Herito, em estado regular, e José Daniel, em situação que inspira cuidados, estão internados no Hospital de Pronto-Socorro de Canoas. O proprietário do Xsara, Mário Raimundo Leyser, de 52 anos, estava em seu veículo, sendo vítima de sequestro, e morreu na segunda-feira no mesmo hospital onde Fernanda estava internada. Herito, que cumpria pena na Penitenciária Modulada de Osório por crimes como furto e roubo, deverá ser indiciado por latrocínio – roubo seguido de morte.