Motorista é preso por embriaguez ao volante no Bairro Pippi

0
94

O condutor perdeu o controle do veículo, que chocou-se contra o canteiro central

No domingo (10), à 1h, a Brigada Militar atendeu a uma ocorrência envolvendo um motorista que perdeu o controle de um veículo Gol chocando-se contra o canteiro central da Avenida Sagrada Família, no Bairro Pippi.

Os policiais foram até o local e constataram que o condutor encontrava-se sozinho e com visíveis sinais de embriaguez. O motorista se negou a fazer o teste do etilômetro.

Diante dos fatos, foi dada voz de prisão ao condutor, que já tinha sua Carteira Nacional de Habilitação cassada.

MANOBRAS PERIGOSAS
Já às 6h25min, durante patrulhamento ostensivo na área central, uma guarnição do 7º RPMon fez a abordagem de um veículo Santana. No entanto, o condutor, ao perceber a presença dos policiais, não obedeceu à determinação de parar e fugiu em alta velocidade por várias ruas da cidade, efetuando manobras perigosas.

O condutor somente parou o veículo na Rua Carlos Gomes, no Centro/Norte, onde desceu e correu em direção a uma residência.

Rapidamente os policiais seguiram o suspeito e, no momento em que foram abordá-lo, o motorista resistiu, sendo necessário o uso moderado da força para contê-lo.

Depois de ele ser identificado, foi constatado que o motorista estava com a CNH suspensa. Ele se negou a fazer o teste do etilômetro.

Nas buscas, os policiais localizaram com o condutor do Santana uma faca, duas garrafas de cerveja vazias e um taco de madeira.

Diante dos fatos, o acusado foi preso e conduzido até a Delegacia de Polícia para a lavratura do registro policial. O veículo foi removido ao depósito do guincho, sendo ainda lavrados os autos de infração.

GUARANI DAS MISSÕES
No sábado (9), às 19h50min, uma guarnição da Brigada Militar de Guarani das Missões fez uma barreira policial na Rua Comandaí, na área central. Nessa ação, foi abordado um veículo Gol cujo condutor, num primeiro momento, desobedeceu à ordem para parar.

A polícia, ao verificar o veículo, constatou que o motorista apresentava visíveis sinais de embriaguez.

Foi oferecido ao condutor o etilômetro para o teste, mas ele se recusou.

O motorista foi conduzido à Delegacia de Polícia, onde aconteceu o registro da ocorrência policial.