Taxista é assaltado por dois homens armados no Bairro Castelarim

0
93

 O taxista Jairo Carnelutti, 54 anos, passou por um momento de terror na madrugada desta quarta-feira (22), durante um assalto dentro do próprio veículo.

Segundo ele, por volta de 1h30min, dois homens chegaram ao ponto de táxi 4, localizado na Avenida Brasil, em frente ao Banco do Brasil. “Estava chovendo. Eu vi a hora que eles desceram em direção ao hotel Maerkli e voltaram. Um deles disse: ‘– Ô tio véio, quanto o senhor cobra para fazer uma corrida até o BNH da Antônio Neto?’ Eles queriam sentar no banco de trás e eu desconfiei e pedi que um deles sentasse ao meu lado”, recorda.

O susto apenas começaria. Quando o carro chegou ao BNH, os criminosos pediram para o taxista andar mais uma quadra e meia e quando entrava no Beco do Estreiro, no Bairro Castelarim, foi surpreendido pelo carona que estava no banco de trás e que agarrou o seu pescoço, mirando um revólver em direção a sua cabeça.

Neste momento, o carona que estava no banco do lado direito encostou um outro revólver em sua barriga.

Os assaltantes levaram R$ 60,00 e um celular que estavam no bolso do taxista. “Eles chegaram a retirar a chave de ignição do táxi, porém, não chegaram a levar o carro. Antes de fugirem ainda reclamaram que eu tinha pouco dinheiro”, conta.

Esse não foi o primeiro assalto que Carnelutti foi vítima. Há dois anos foi assaltado na Rua Gaspar Martins, próximo à garagem da Prefeitura, na Zona Sul. Naquela ocasião, o assaltante roubou R$ 480,00, um celular e a chave do carro e depois fugiu.

A Polícia Civil deve abrir inquérito policial para investigar o assalto e identificar o criminoso.