Três ex-integrantes do Executivo de São Luiz Gonzaga são denunciados por formação de quadrilha, corrupção e lavagem de dinheiro

0
86

Um empresário e um operador financeiro também foram denunciados. Investigação foi iniciada em 2012

A Promotoria de Justiça Especializada Criminal de Porto Alegre e a Promotoria de Justiça de São Luiz Gonzaga denunciaram ontem (23) cinco pessoas pelos delitos de formação de quadrilha, corrupção ativa, corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

Conforme foi apurado nas investigações, três ex-integrantes do Poder Executivo de São Luiz Gonzaga, após prévio acordo, recebiam, com regularidade, vantagens indevidas provenientes do responsável pela empresa contratada pelo Município para a prestação local de serviços de coleta, transporte e destino final do lixo.

Além disso, para que as vantagens indevidas pagas pelo empresário aos ex-integrantes do Poder Executivo não ingressassem, diretamente, nas suas contas-correntes ou no respectivo patrimônio, usavam um operador financeiro que, de forma dissimulada, depositava os valores em suas contas bancárias pessoais ou de suas empresas para, posteriormente, repassá-los aos denunciados.

A investigação foi iniciada em 2012, a partir de informações coletadas em apuração relacionada à licitação dos serviços de abastecimento de água e esgoto sanitário de São Luiz Gonzaga, na denominada Operação Guarani.